Espanha

Voos são cancelados em mais um dia de greve da Iberia

Pilotos da companhia protestam contra a criação de uma filial de baixo custo

Avião da companhia aérea Iberia

Avião da companhia aérea Iberia (Paul Hanna/Reuters)

A empresa aérea Iberia cancelou nesta segunda-feira 121 voos na Espanha, oito deles entre Madri e cidades latino-americanas, por causa da greve de pilotos em protesto contra a criação da filial de baixo custo Iberia Express, à qual se somam as interrupções convocadas pelos sindicatos minoritários de pessoal de terra e tripulações.

Oito são os voos de longa distância cancelados que ligam Madri com cidades latino-americanas como Cidade do México, Bogotá, Buenos Aires e São Paulo. Desta forma, a Iberia operará hoje 200 voos, 62% dos 321 programados, enquanto os cancelamentos atingem 38% das operações previstas, segundo fontes da companhia.

O segmento mais afetado pelos cancelamentos é o de rotas nacionais, com 57 voos cancelados, 43% dos 134 programados, enquanto no de percurso internacional foram suspensas 56 operações, 39% do total de 142, e no de longa distância oito, 18% do total de 45.

A greve na Iberia continuará na próxima sexta-feira, dia no qual serão cancelados 113 voos, e no dia 29 de fevereiro, com 130 voos cancelados. A Iberia deixou claro que a decisão de criar a filial para operar voos de curto e médio percurso é "inegociável", já que corresponde exclusivamente à equipe de gestão. 

(Com agência EFE)

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados