Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Lorde faz campanha contra paparazzo que a persegue

Cantora de 17 anos divulgou uma foto e perfil de rede social do fotógrafo neozelandês Simon Runting, que também já foi alvo de críticas de Rihanna

A cantora Lorde não escondeu sua irritação com um paparazzo neozelandês que, segundo ela, a persegue e invade sua privacidade. No entanto, ao invés de partir para a agressão como Justin Bieber, a cantora fez o fotógrafo provar do próprio veneno ao promover uma campanha contra ele em seu perfil no Twitter, divulgando dados, como foto, nome e perfil na rede social.

Leia também:

Dave Grohl diz que Lorde é a esperança da música pop

Paparazzo processa Justin Bieber por agressão

“Esse homem tem me perseguido, me fotografado e desrespeitado minha privacidade. Eu tenho medo dele”, escreveu Lorde junto com uma foto do paparazzo, conhecido como Simon Runting. “Esse não deveria ser um padrão aceitável para mulheres jovens, ou qualquer pessoa da indústria”, continuou a cantora antes de divulgar o perfil do fotógrafo no Facebook.

this man has been stalking me, photographing me and refusing me privacy. i am scared of him. he frequents central akl pic.twitter.com/RGv39ESELV

– Lorde (@lordemusic) May 4, 2014

Lorde ainda publicou uma foto tirada por ele da cantora Rihanna na janela do quarto de seu hotel durante visita à cidade de Auckland em 2013. A cantora caribenha já havia reclamado do mesmo profissional em seu Instagram, quando comparou os paparazzos com nazistas, no final de 2013. “Eu me recuso a ser cúmplice desse tipo de coisa, me recuso a ser passiva com homens que, sistematicamente, me submetem a esse medo extremo”, concluiu a neozelandeza de 17 anos.

this should not be an accepted standard for young women or anyone in this industry. pic.twitter.com/JYtURQ2Ara

– Lorde (@lordemusic) May 4, 2014