‘A Musa Adormecida’, de Brancusi, é leiloada por US$ 57 milhões

Noite também contou com leilão de quadro roubado de Picasso pelos nazistas durante a ocupação na França

‘Femme assise, robe bleu’, tela de Picasso roubada pelos nazistas (Reprodução/Divulgação)

A Musa Adormecida (La Muse Endormie, 1913), do artista romeno Constantin Brancusi, foi vendida nesta segunda-feira, em Nova York (Estados Unidos), pelo valor de 57 milhões de dólares (ou mais de 170 milhões de reais), em um leilão de arte moderna e impressionista realizada na Christie’sA Musa Adormecida superou todas as expectativas, que variavam entre 25 e 35 milhões de dólares, em uma noite dominada pelo pintor espanhol Pablo Picasso, onde teve cinco obras vendidas, apesar de não atingir o preço superior. O quadro mais valioso, comprado por 45 milhões de dólares (quase 150 milhões de reais), foi um retrato da musa e amante de Picasso, Dora Maar, Femme Assise, Robe Bleue (algo como ‘Mulher sentada, vestido azul’), tela que esteve em posso dos nazistas durante a Segunda Guerra Mundial. O quadro foi confiscado ao marchand judeu Paul Rosenberg durante a ocupação alemã durante da França.

A escultura de Brancusi, de uma coleção particular em Paris, faz parte de uma série de seis peças envernizadas em bronze e criadas a partir da original em mármore, que se encontra atualmente no Museu Hirshhorn, em Washington.

O leilão também incluiu obras de artistas como Auguste Renoir, Henry Moore, Paul Klee, Joan Miró, Henri Matisse e Edgar Degas.

(Com agência EFE)