Temer: “Brasil tem pressa, quem perdeu emprego não pode esperar”

Presidente pediu ajuda de empresários e disse que o momento requer a colaboração de vários setores da sociedade

O presidente Michel Temer falou sobre a urgência de crescimento econômico para uma plateia de empresários durante a abertura do Fórum da revista EXAME, da Editora Abril, que edita VEJA, nesta sexta-feira, em São Paulo. No mesmo dia em que o IBGE divulgou número recorde de desempregados no Brasil — 12 milhões — Temer admitiu a necessidade inadiável de medidas para retomar a economia do país. “O momento atual é grave e precisamos compreender isso com objetividade”, disse ele. “O Brasil tem pressa. Quem perdeu emprego não pode esperar. Famílias endividadas não podem esperar”, avaliou.

LEIA MAIS:
Desemprego sobe e país tem 12 milhões de desocupados

Para tanto o presidente pediu ajuda da iniciativa privada e disse que o momento requer a colaboração de vários setores da sociedade. “A criação de emprego não é um ato isolado de vontades, é a conjugação de várias vontades de empreendedores”. A recuperação, disse, virá a partir da colaboração de trabalhadores e empregadores. “O rumo para a reconstrução do nosso país já foi aberto. Juntos, vamos construir um Brasil mais moderno, mais próspero e mais justo.”

Temer falou também sobre a necessidade de reformas indispensáveis, mesmo aquelas que possam parecer impopulares num primeiro momento. “Se eu ficar impopular, mas o Brasil crescer, eu me dou por satisfeito.”

Sobre a reforma trabalhista, disse que pode ser postergada caso decisões da Justiça favoreçam a flexibilização das relações de trabalho. “Nesses últimos dias, eu tenho verificado decisões do Tribunal Superior do Trabalho e do Supremo Tribunal Federal no sentido de privilegiar o que foi acordado”, avaliou. “Vamos deixar a reforma para um pouco mais adiante. De repente, não é preciso nem mobilizar o país, já que a o STF tem decidido muitas questões pela interpretação sistêmica da lei”, disse Temer.

Em relação à reforma da previdência, voltou a afirmar que ela não retirará direitos adquiridos, e que está discutindo-a também com sindicatos. “Se eles não aceitarem, pelo menos estamos pavimentando o terreno”, disse.

Críticas

Ao falar da situação fiscal do país, Temer não poupou críticas. Para ele, a crise econômica é resultado do desequilíbrio fiscal do governo Dilma — cujo nome não citou nenhuma vez — que aumentou gastos em ritmo maior que as receitas. “É como se estivessem vendo o precipício e colocassem os dois pés no acelerador”, comparou. Para Temer, foi a crise fiscal que gerou uma crise de confiança, que derrubou o consumo e a atividade.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. O Brasil passa por uma crise de credibilidade. Caro presidente, comece por escorraçar o Renan do Senado e fazer uma limpeza no seu governo, com aquelas dezenas de políticos que estão fugindo da Lava Jato. Depois a gente conversa.

    Curtir

  2. Micky Oliver

    Com o PMDB do Renan Canalha jogando contra, fica difícil!

    Curtir

  3. Roberto Ferro

    E quem quebrou o Brasil precisa ser preso….para adquirir a credibilidade,pois com bandidos na politica ninguem investe mais..

    Curtir

  4. Democrata Cristão

    Presidente Temer, elimine a maioria dos impostos e prevaleça o imposto sobre o lucro(Reforma Tributária), siga o caminho dos Tigres Asiáticos e “vamo que vamo”. Hora da prensa voltar a bater!

    Curtir

  5. Fábio Luís Inaimo

    É incrível a atuação seletiva desse moderador, parece perseguição pessoal, acho mesmo é que a veja de uns tempos pra cá apetralhou-se ou contratou moderadores e redatores pelegos, não sou só eu que estou reclamando, vários comentaristas da coluna já reclamaram , estão desagradando quem te sustenta. Mandaram embora a Joyce Hasselman , o Lauro Jardim, o Caio Blinder e n outros, já começo a duvidar da idoneidade dessa jossa!

    Curtir

  6. Adilson Silva

    Acabe com as regalias dos políticos…

    Curtir

  7. Roberto Ferro

    E reduzir essa carga tributaria fagocitosa ..e tbem enchugar a maquina do governo,reduzir esse bando de chupa cabras pendurados no governo ,fazendo uma limpeza no funcionalismo publico …doa a quem doer,caso contrario estaremos sempre no buraco.

    Curtir

  8. Roberto Ferro

    Administre o Pais como um empresario bem sucedido administra a sua empresa,só isto basta,mas duvido que queiram e tenham capacidade pra faze-los.O resto é papo furado de politicos..e vem ai a maior enxurrada de votos nulos.

    Curtir

  9. Fábio Luís Inaimo

    Ma que coisa!? que que tem de errado no meu comentário coisa irritante, Ô Felipe Machado qual é!?

    Curtir

  10. Roberto Ferro

    E voce estava junto com esses canalhas acelerando e roubando junto, por que não viu antes e entregou essa corja pra PF.

    Curtir

  11. daniel camilo do rosario

    Michel Temer fala como um dono de Time de futebol que quer ver gols mas contrata um técnico que prefere que os jogadores driblem, façam a galera vibrar com jogadas bonitas mas gol que é bom, nada. Joga na retranca. Antes de cobrar dos jogadores, Michel Temer; troque o técnico Meireles.

    Curtir

  12. Fábio Luís Inaimo

    Só queria dizer as instituições tem que fazer a sua parte e colocar na cadeia quem merece, o STF, STJ entre outros tem que fazer a sua parte, senão não há credibilidade ponto

    Curtir

  13. Os PTistas sofreram uma “lavagem cerebral”, diante de tantas evidencias é impossível continuar acreditando nessa quadrilha chefiada pelo Lulalau que passou treze anos roubando e mentindo, deixando como herança muitas firmas fechando por falência, aumento do desemprego e da violência.

    Curtir

  14. Temer está certo, vamos pra frente que para traz não da mais.

    Curtir

  15. Mauricio Reppetto

    Puxa presidente, muito obrigado!!! Sou estatística desde Agosto/2015, alguém ajuda ai a mudar essa realidade!!!!

    Curtir

  16. Exigem mais o que restou das micro e pequenas empresa ate agora , a o governo mandou a Receita Federal , descredencia as empresas com atraso no Simples nacional . Vamos ver o que sobrara do extermínio.

    Curtir

  17. JOÃO CARLOS FÉLIX DA SILVA

    PRESIDENTE TEMER VÁ A TV, FALE COM OS BRASILEIROS E DIGA EXATAMENTE O QUE QUER FAZER PARA REVERTER A DESESPERANÇA, A HERANÇA MALDITA DEIXADA PELA CANALHADA PETISTA,. FALE COM OS BRASILEIROS E NÃO COM OS POLÍTICOS, ESSES CÃES E ABUTRES VIRÃO A REBOQUE.

    Curtir

  18. daniel camilo do rosario

    Para os que acreditam que Michel Temer é totalmente diferente do Lula e Dilma eu pergunto: Por quê Michel Temer nomeou Padilha como Min da casa civil se ele foi Min da Dilma? Por quê Temer nomeou Henrique Meireles como Min da Economia se o mesmo foi Min do Lula? Michel foi vice da Dilma! Pois é, alguém está nos enrolando! ou nós é que somos bobos mesmo.

    Curtir

  19. Genivaldo Marques

    Com o partido dele mergulhado em corrupção vai faltar força e moral pois ele mesmo já foi citado várias vezes em corrupção, inclusive reassumiu a presidência do partido para distribuir melhor as propinas. Reformas política, eleitoral e tributária, já. Vamos exigir uma constituinte. Maioria das 2 casas do congresso São corruptos; acharam que o salve se quem puder da lava jato, pelo caminho do impeachment os livraria. Precisamos de pessoas íntegras para administrar o País.

    Curtir

  20. Nelson Marchetto

    As falas caro presidente, suas e de seu ministro com relação a economia, e o seu pedido aos empresários fazem sentido agora, o sr e seu ministro devem pensar também na quantidade de impostos muitos deles em cascata reincidindo principalmente sobre os mais necessitados, então pensem em reformar e reduzir a carga de impostos, se possível criar o tal imposto único defendido anos atrás, unificando os estados da federação, não falo de desoneração já tentado mas, penalizar menos os que produzem para que baixem os preços, baixando os juros, aí sim a indústria o comércio e o setor de serviços não reclamarão mais e passarão a empregar e não demitir!!!

    Curtir

  21. João carlos

    Concordo com vc temer mas a luz do fim do túnel ficará apagada por mais de 5anos,nós que trabalhávamos para a petrobrás.

    Curtir

  22. O petê tem medo que Temer consiga tirar o país da crise, é a turma do quanto pior melhor!

    Curtir

  23. Elias Estevam

    Se não tivesse ocorrido a trapaças do senhor Temer para tomar o poder. Já neste ano estaríamos retomando os empregos. Mas a trama para quanto pior melhor estamos colhendo agora os frutos desta sandice. Parabéns aos coxinhas. Onde estão as panelas?

    Curtir

  24. Fábio Luís Inaimo

    A PêTêzada ainda não se deu conta que os responsáveis pela crise e o desemprego são exatamente eles, o PT, enquanto a Anta sapiens estivesse no poder, sem chances de retomada, se liga mané!

    Curtir

  25. Elias Estevam

    Interessante perceber agora que Temer era um poste sem iluminação. Inocente com salário, casa, comida e roupa lavada. Tudo acontecendo em seu entorno e não participava de nada. Só os coxinhas para acreditar nisso. Santa ilusão. Gastar meu tempo com essa turma é o mesmo que ensinar cavalo voar.

    Curtir

  26. Fábio Luís Inaimo

    E para fazer petralhas “acéfalos” a entender o quão nefasto foi o período lulopetista, o quão irresponsável foi o governo Dilma e o quão criminoso é seu guru Lula!? Só no dia em que as baleias façam acrobacia aérea! Depois outra foram vcs PêTêzada que elegeram o Temer, Foram vcs Petralhas que se aliaram ao PMDB para corromper a democracia! Se Liga Mané!!

    Curtir