Receita paga nesta terça o segundo lote de restituição do IR

Mais de 1 milhão de contribuintes serão contemplados, somando R$ 1,6 bilhão

A Receita Federal paga nesta terça-feira o segundo lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física de 2014. O lote contempla 1.060.473 contribuintes, somando 1,6 bilhão de reais. A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate no prazo, deverá requerê-la pela internet, por meio do Formulário Eletrônico Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte (e-CAC).

Além da restituição do Imposto de Renda Pessoa Física 2014, serão liberados nesta terça-feira seis lotes residuais (declarações que estavam retidas na malha fina) de exercícios entre 2013 e 2008. Com esses lotes, o valor total a ser liberado nesta terça será de 1,8 bilhão de reais e abrangerá 1.122.154 contribuintes.

Leia também:

Receita abre consulta ao 1º lote do Imposto de Renda

Arrecadação federal soma R$ 105,9 bilhões em abril

‘Brasil tem carga tributária de país desenvolvido’

Para mais informações sobre o pagamento, o contribuinte pode acessar o site da Receita ou ligar no Receitafone, no número 146. Na consulta pela internet, no Portal e-CAC, também é possível ter acesso ao extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nessa hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

Arrecadação – A arrecadação de impostos e contribuições federais despencou 17,37% entre abril e maio, para 87,897 bilhões de reais, segundo dados da Receita Federal. Este foi o pior resultado para meses de maio desde 2011, quando ficou em 85,087 bilhões de reais. Na comparação com maio do ano passado, houve uma queda real (com correção da inflação pelo IPCA) de 5,95%. Um dos fatores que explicam o recuo é que na época houve uma arrecadação extraordinária de 4 bilhões de reais referentes ao pagamento de PIS/Cofins e IRPJ/CSLL.