Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Protestos em Frankfurt e na sede do BCE deixa 400 pessoas detidas

Frankfurt (Alemanha), 18 mai (EFE).- Uma manifestação contra as entidades financeiras e a política de economia européia na sede do Banco Central Europeu (BCE) e no distrito financeiro de Frankfurt (Alemanha), onde foram detidas cerca de 400 pessoas, mobilizou um grande aparato de policiais,

No entanto, segundo o porta-voz policial Sascha Weisenfeld, não houve registro de feridos. Pequenos grupos de pessoas se concentraram após a manifestação, sem aviso prévio e de forma pacífica, nas ruas das imediações do centro financeiro de Frankfurt.

Diversos restaurantes, comércios, edifícios de escritórios e bancos permaneceram fechados nesta sexta e protegeram suas janelas e portas para evitar ataques violentos de ‘Blockupy’, a nova vertente do movimento dos ‘indignados’.

‘Blockupy’, que se opõe às políticas de economia do BCE, da Comissão Europeia (CE) e do Fundo Monetário Internacional (FMI) exigidas aos países do sul da Europa, criticou a atuação policial contra seus protestos pacíficos no centro da cidade.

Após as críticas, o membro do conselho municipal de Segurança da cidade de Frankfurt, Markus Frank, garantiu que evitou incidentes violentos. A Polícia desdobrou desde a terça-feira em Frankfurt cinco mil agentes de toda a Alemanha.

Para este sábado, o movimento ‘Blockupy’ convocou uma manifestação onde está prevista a participação de 10 mil a 20 mil pessoas, de acordo com os organizadores. EFE