Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pivô de uma série de escândalos, McDonald’s do Japão tem queda de 21% nas vendas em dezembro

Trata-se do sexto mês seguido de queda, movimento que deve continuar após a identificação de um dente humano dentro de uma porção de batatas fritas

As vendas do McDonald’s do Japão caíram 21% em dezembro, na comparação com igual mês de 2013. Este foi o sexto mês consecutivo de queda acentuada desde o escândalo de segurança alimentar, envolvendo fornecedores de carne da rede de fast-food. A unidade japonesa do McDonald’s afirmou que as vendas em dezembro foram impactadas pela redução temporária nas porções de batatas fritas em virtude de uma escassez do produto.

Em comunicado, a empresa aponta que novas notícias sobre contaminação no início desta semana devem prejudicar as vendas também nos próximos meses. Na quarta-feira, o McDonald’s afirmou que um dente humano foi encontrado dentro de uma porção de batatas fritas em agosto. Além disso, em dezembro, uma criança teve ferimentos leves ao encontrar um pedaço de plástico em um sorvete.

Leia mais:

Após denúncia de carne vencida, lucro do McDonald’s cai 30% no 3º tri

McDonald’s de Pequim e Xangai param de vender hambúrguer e frango

Desde julho, as vendas mensais da empresa registraram queda de mais de 10%. A empresa ainda não conseguiu superar o impacto do problema envolvendo um fornecedor de carne da rede, a chinesa Shanghai Husi Food, controlado pelo grupo OSI, dos Estados Unidos. A imprensa chinesa acusou a Shanghai Husi de vender intencionalmente carne vencida para redes de restaurantes, incluindo o McDonald’s Japão. A unidade do país, que comprava nuggets da Shanghai Husi, trocou de fornecedor.

(Com Estadão Conteúdo)