Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

PF apreende seis veículos e R$ 127 mil na casa de Eike

Entre os carros apreendidos há uma Lamborghini e um Porsche. Eike transferiu imóveis para os filhos, e o Ministério Público Federal avaliou que as operações foram feitas com o objetivo de evitar a eventual penhora desses ativos

A Polícia Federal apreendeu seis veículos, 127.000 reais em espécie (90.000 reais e 27.000 em outras moedas), 16 relógios, um celular e um computador na casa do empresário Eike Batista, no Jardim Botânico, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Como noticiou a coluna Radar on-line, a operação é um desdobramento da decisão da Justiça Federal do Rio de bloquear os bens de Eike e familiares.

Leia também:

Justiça determina bloqueio de R$ 3 bi de Eike e família

Também foram apreendidos objetos de luxo mais excêntricos para eventual leilão e reparação dos danos causados: um ovo Fabergé (jóia utilizada para esconder miniaturas), um piano, dois motores para lancha e uma escultura.

Eike transferiu imóveis para os filhos, e o Ministério Público Federal avaliou que as operações foram feitas para evitar irregularmente perda de patrimônio. Por isso, foi determinado o bloqueio de até 3 bilhões de reais em bens e ativos financeiros para garantir o ressarcimento das perdas causadas pelo naufrágio de empresas do grupo X.

Entre os carros apreendidos há uma Lamborghini e um Porsche. Foram bloqueados veículos e imóveis não só do empresário, mas também dos filhos Thor e Olin Batista, da ex-mulher Luma de Oliveira e da atual, Flávia Sampaio. Pela ordem judicial, cartórios de registro de imóvel foram informados do bloqueio e ficam impedidas quaisquer tentativas de negociar esses imóveis.

O empresário já é réu na Justiça Federal do Rio de Janeiro pelos crimes de manipulação de mercado crimes de falsidade ideológica, formação de quadrilha, indução do investidor ao erro, uso de informação privilegiada e manipulação de mercado. Mas ele ainda é investigado por lavagem de dinheiro, porque usou offshores para esconder parte do patrimônio que possui.

No começo de 2014, foram bloqueados 122 milhões de reais e, em setembro, outros 117 milhões de reais. Agora, a medida foi estendida a um valor maior e incluiu os familiares e a ex-mulher de Eike.