Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Peixe grande do Goldman Sachs é condenado por fraude

A justiça americana condenou nesta sexta-feira Rajat Gupta, um ex-administrador do Goldman Sachs, por uso ilegal de informação empresarial confidencial, indicou à AFP o Ministério Público Federal.

Considerado um peixe grande de Wall Street, Gupta, um indiano naturalizado americano, de 63 anos, foi acusado de ter transmitido informações confidenciais ao seu amigo e sócio de negócios Raj Rajaratnam, um milionário de origem cingalesa, a quem ofereceu negócios vantajosos no mercado de ações.

Gupta foi declarado culpado de quatro das seis acusações a que respondia, segundo o veredicto apresentado após dois dias de deliberações que procederam o processo de três semanas nos tribunais federais no sul de Manhattan.

“Rajat Gupta já esteve no topo da comunidade empresarial internacional. Hoje, foi declarado culpado por fraude de títulos. Conseguiu um sucesso considerável, mas jogou tudo fora”, disse o procurador federal Preet Bharara, citado em um comunicado.