Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mercados em Nova York fazem meia-volta e fecham em alta

Por Renato Martins

Nova York – O mercado norte-americano de ações fechou em alta, recuperando terreno depois da queda forte da quinta-feira. As ações dos bancos subiram, apesar de a Moody’s ter rebaixado os ratings de 15 instituições financeiras globais na quinta-feira depois do fechamento. “Uri Landesman, presidente do fundo de hedge Platinum Partners, qualificou o comportamento do mercado nesta sexta-feira como “um rali de alívio, um pouco de ‘comprar na má notícia'”.

Outros observadores notaram que os rebaixamentos anunciados pela Moody’s não foram tão negativos como muitos investidores temiam; apenas um banco, o Crédit Suisse, teve seu rating rebaixado em três graus. Isso afastou algumas preocupações que incomodavam os investidores desde fevereiro, quando a Moody’s anunciou que revisaria esses ratings. “parece que um vento contrário foi removido”, comentou o analista David Konrad, da Keefe, Bruyette & Woods.

As ações do Citigroup subiram 0,57%, as do Morgan Stanley avançaram 1,29%, as do JPMorgan Chase ganharam 1,35% e as do Bank of America fecharam em alta de 1,53%; as do Goldman Sachs recuaram 0,26%. No setor de tecnologia, as ações da Facebook subiram 4,65%,acumulando um ganho de 20% em relação à sua mínima do começo de junho.

O índice Dow Jones fechou em alta de 67,21 pontos (0,53%), em 12.640,78 pontos. O Nasdaq fechou em alta de 33,33 pontos (1,17%), em 2.892,42 pontos. O S&P-500 fechou em alta de 9,52 pontos (0,72%), em 1.335,03 pontos. O NYSE Composite fechou em alta de 50,48 pontos (0,67%), em 7.616,59 pontos. Na semana, o Dow acumulou uma queda de 0,99%, o Nasdaq, uma alta de 0,68% e o S&P-500, uma queda de 0,58%. As informações são da Dow Jones.