BC muda regra para saques superiores a R$ 50 mil

Retirada em valor igual ou superior deverá ser informada ao banco três dias antes

O Banco Central alterou nesta quarta-feira as regras para saques de dinheiro em espécie no Brasil. Pelas novas diretrizes, os bancos deverão requerer de seus clientes uma comunicação prévia, com três dias de antecedência, para saques no valor igual ou superior a R$ 50 mil.

Atualmente, essa comunicação ocorre com apenas um dia de antecedência, para saques no valor igual ou superior a R$ 100 mil. A nova regra passa a valer dentro de 180 dias.

Além disso, as instituições financeiras serão obrigadas a informar ao Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) as comunicações prévias aos saques e as transações em espécie em valor igual ou superior a R$ 50 mil.

De acordo com nota distribuída pelo BC, os ajustes decorrem de discussões realizadas no âmbito da “Ação 13/2016” da Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (ENCCLA).

Formada por vários órgãos do poder público, em diferentes instâncias, a ENCCLA é a principal rede de discussões para a formulação de políticas públicas voltadas ao combate aos crimes de corrupção e lavagem. O voto em questão busca aperfeiçoar procedimentos e controles relativos a operações envolvendo recursos em espécie.

(Com Estadão Conteúdo)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Jose Dionisio de Campos

    Incrível, mais uma vez uma norma que existe a muitos anos, e só atinge o cidadão comum, vejam os valores milionários em malas, sacolas, sacadas de Bancos sem que sejam interpelados pelos Bancos, afinal de que Banco foram sacados os 400.000,00 mil de Temer, e de 2.000.000,00 milhões de Aécio, o Banco Central foi comunicado, foi investigado, diminuiu o osso mais os cachorrões aumentaram a quantidade e sempre escapam porque o Banco Central não age, nunca agiu, e jamis agira.

    Curtir

  2. Nathan Khornnes

    Políticos corruptos agora controlando a vida das pessoas de bem. Fascistas!!!

    Curtir