Blogs e Colunistas

26/02/2012

às 22:39 \ Direto ao Ponto

Um asterisco no capítulo brasileiro da História Universal da Infâmia

Com apenas dois parágrafos, o escritor Deonísio da Silva confirma que o chanceler Celso Amorim não passa de um asterisco no capítulo brasileiro da História Universal da Infâmia. Confira na seção Feira Livre.

Share

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

  • Destaques

  • Homem sem Visão

    José de Abreu, Luis Fernando Veríssimo, Renan Calheiros e Vágner Freitas disputam na enquete o título de HSV de Agosto

  • Direto ao Ponto

    Dilma revela que chimpanzés e orangotangos não são fofoqueiros

  • Feira Livre

    Caiado é aplaudido no mesmo restaurante em que Alexandre Padilha foi vaiado

  • Direto ao Ponto

    Dilma é um Felipão no Planalto

  • Opinião

    J. R. Guzzo: ‘Velório em câmera lenta’

  • Entrevista

    José Serra no Roda Viva

  • História em Imagens

    A pior entre as piores discurseiras de Dilma em 2015

  • Mais recentes

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados