Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Teste mostra quem é um consumidor compulsivo

Elaborado por especialistas do Hospital das Clínicas, questionário permite identificar comportamento de compra exagerada e desnecessária

Estudo clínico aponta que 5% da população brasileira possui transtorno compulsivo de compras

Você é um consumidor compulsivo? Para responder a essa pergunta, coordenadores do grupo de compradores compulsivos do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas de São Paulo elaboraram um teste que permite avaliar seu comportamento de compras. O teste está disponível no site da Serasa Experian e conta com quinze perguntas que levam em consideração desde a pesquisa de produtos até o planejamento financeiro antes de gastar. Avalia-se, por exemplo, se a pessoa viu uma real necessidade de adquirir o produto, se fez pesquisa de preço ou pechinchou os valores.

Leia também:

Confira as marcas mais consumidas no Brasil em 2013

Dez indícios que mostram que você é consumista

Sete passos para as compras

  • 1. Avaliou a real necessidade (do produto)?
  • 2. Avaliou suas possibilidades financeiras?
  • 3. Fez pesquisa de preço e condições de pagamento?
  • 4. Pediu a opinião de outras pessoas?
  • 5. Negociou ou pechinchou?
  • 6. Deu um tempo a si mesmo para pensar (sobre a compra)?
  • 7. Comprou apenas o que estava programado?

Estimativas baseadas em estudos clínicos apontam que 5% da população brasileira sofre de oniomania, o transtorno que provoca hábitos compulsivos de compra. “A doença é desencadeada por questões emocionais percebidas como negativas ou frustrantes”, explica Tatiana Zambrano Filomensky, coordenadora do grupo de tratamento a compradores compulsivos do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas de São Paulo e uma das responsáveis pela elaboração do teste. “A pessoa busca através da compra o alívio para essas emoções ruins e uma sensação de bem-estar”,

A especialista alerta que o prazer conquistado com a compra é momentâneo e provoca, em seguida ao êxtase, vergonha e culpa, principalmente quando o comprador compulsivo percebe os prejuízos financeiros ou pessoais provocados pelo descontrole. Vale destacar que há tratamento eficaz contra o distúrbio.

Para realizar o teste do comprador compulsivo, clique aqui.