Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Não provou ao INSS que está vivo? Saiba o que fazer

No ano passado, 112.729 benefícios foram suspensos por falta de comprovação de vida

O prazo para os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) fazerem a comprovação de vida terminou nesta quarta-feira, dia 28. Quem estiver há mais de um ano sem comprovar que está vivo terá o benefício suspenso.

Mas ainda há chance de garantir que o pagamento não seja cortado. O INSS orienta quem perdeu o prazo a ir até a agência bancária em que recebe o benefício e regularizar a situação.

O INSS afirma que cada banco tem uma forma diferente de lidar com a comprovação de vida do segurado. Alguns se baseiam na data de nascimento, outro no aniversário do benefício. Também há os que convocam o beneficiário um mês antes do vencimento da última comprovação de vida.

No ano passado, 112.729 benefícios foram suspensos por falta de comprovação de vida, o que gerou uma economia de 1,2 bilhão de reais ao INSS.