Clique e assine a partir de 8,90/mês

Lucro da Coca-Cola sobe 8,1% no 3º trimestre de 2011

Enquanto a empresa apresentou ganhos de 2,2 bilhões de dólares no período, a Johnson & Johnson, outra gigante da Dow Jones, apresentou queda de 6,3%

Por Da Redação - 18 out 2011, 10h13

Apesar da alta, segundo a Coca-Cola, as margens de lucro foram afetadas pelos custos mais altos

O lucro da Coca-Cola subiu 8,1% no terceiro trimestre de 2011 em comparação com o mesmo período de 2010, informou a gigante do setor de bebidas nesta terça-feira. Já a Johnson & Johnson registrou queda de 6,3% em seu lucro no mesmo período.

A Coca-Cola apresentou lucro de 2,22 bilhões de dólares, ou 0,95 centavos de dólar por ação. No terceiro trimestre de 2010, havia obtido lucro de 2,06 bilhões de dólares, ou 0,88 centavos de dólar por ação. A receita subiu 45%, para 12,25 bilhões de dólares. Às 10h45 (pelo horário de Brasília), as ações da companhia subiam 0,58% no pré-mercado em Nova York.

Já a Johnson & Johnson teve queda de 6,3% em seu lucro no terceiro trimestre. A área de produtos de cuidados com a saúde teve lucro de 3,2 bilhões de dólares, ou 1,15 dólar por ação, um recuo em relação aos 3,42 bilhões de dólares, ou 1,23 dólar por ação, registrados no terceiro trimestre do ano anterior. A receita aumentou 6,8%, para 16 bilhões de dólares, e as flutuações nas cotações de moedas contribuíram com 4,2% desse avanço. Às 10h45 (de Brasília), as ações da J&J recuavam 0,28% no pré-mercado em Nova York.

A J&J teve baixas contábeis graças a uma aquisição pendente da Synthes, companhia do ramo de implantes e instrumentos para o setor médico. No caso da Coca-Cola, as margens de lucro foram afetadas pelos custos mais altos, segundo a companhia. Tanto a Coca-Cola como a J&J são integrantes do índice Dow Jones.

(com Agência Estado)

Continua após a publicidade
Publicidade