Clique e assine a partir de 9,90/mês

Fator Grécia faz bolsas asiáticas fecharem no positivo

Por Da Redação - 31 jan 2012, 07h08

Por Dow Jones

Tóquio, 31 – A maioria dos mercados da Ásia fechou em alta nesta terça-feira. A evolução do impasse da dívida grega pesou favoravelmente no otimismo dos investidores. O bom resultado também acabou favorecido por fatores locais.

A Bolsa de Hong Kong recuperou parte da perda da véspera, estimulada pelo acordo europeu contra a crise do euro. O Hang Seng subiu 230,08 pontos, ou 1,14%, e encerrou aos 20.390,49 pontos – nas últimas oito sessões, o índice ganhou 7,2%.

Com recuperação no final do pregão, as bolsas da China fecharam no positivo. Os índices foram impulsionados pelas esperanças de que o governo poderá permitir que os fundos de pensão locais invistam no mercado acionário. O Xangai Composto subiu 0,3% e terminou aos 2.292,61 pontos – no mês, o índice acumulou alta de 4,2%, no primeiro resultado positivo em três meses. Já o Shenzhen Composto ficou estável aos 855,20 pontos.

Continua após a publicidade

A Bolsa de Taipé, em Taiwan, encerrou em alta de 1,48%, aos 7.517,08 pontos, com o sentimento de que o novo governo deverá estreitar relações comerciais com a China. Os investidores, porém, ainda estão hesitantes em fazer grandes apostas em virtude do ambiente econômico global instável.

Na Coreia do Sul, a Bolsa de Seul também fechou positiva. O índice Kospi subiu 0,79%, aos 1.955,79 pontos, com um forte movimento de compras, estimulado por aquisições no fim do pregão. Investidores estrangeiros compraram, principalmente, ações dos setores químico, de aço, financeiro e de tecnologia.

Na Austrália, a Bolsa de Sydney foi incapaz de segurar os ganhos iniciais e fechou em baixa. Os investidores permaneceram de lado no período que antecede a publicação de lucros corporativos domésticos. O otimismo em torno da reestruturação da dívida grega não ajudou o mercado australiano, que assumiu postura defensiva. O índice S&P/ASX 200 caiu 0,23%, aos 4.262,70 pontos.

Já a Bolsa de Manila, nas Filipinas, fechou no campo positivo. O PSEi subiu 0,8%, aos 4.682,44 pontos.

Continua após a publicidade

Na Malásia, o índice KLCI, composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, recuperou 0,5% perdidos na véspera e terminou aos 1.521,29 pontos.

A Bolsa de Cingapura também encerrou em elevação. O Straits Times Index (STI) subiu 0,6% e terminou aos 2.906,69 pontos.

Na Indonésia, o índice composto da Bolsa de Jacarta avançou 0,7%, aos 3.941,643 pontos.

Publicidade