Clique e assine a partir de 9,90/mês

Estrangeiros retiraram R$ 1,18 bi da bolsa em fevereiro

Contudo, no mesmo período, o Ibovespa acumulou alta de 1,22%

Por Da Redação - 2 mar 2011, 13h34

Os investidores estrangeiros retiraram 1,184 bilhão de reais da Bolsa de Valores de São Paulo (BM&FBovespa) em fevereiro. O montante corresponde a compras de 48,841 bilhões de reais e vendas de 50,025 bilhões de reais em ações entre os dias 1º e 28 de fevereiro. No mês, o índice Bovespa (Ibovespa) acumulou alta de 1,22%.

No último pregão de fevereiro, na segunda-feira (dia 28), os investidores ingressaram na Bolsa com 352,359 milhões, o segundo maior saldo positivo no mês, depois do registrado no dia 18. No pregão de segunda-feira, o Ibovespa fechou em alta de 0,72%, aos 67 383 pontos. O giro financeiro foi de 8,151 bilhões de reais.

A saída líquida de capitais no mês passado, segundo economistas, está relacionada tanto à melhoria das perspectivas econômicas para outros mercados, como Estados Unidos e alguns países europeus, quanto ao aumento da chamada ‘aversão ao risco’ – isto é, em momentos em que aumentam os temores dos investidores, como nas últimas semanas, por conta das turbulências no Oriente Médio, investidores tendem a tirar parte de seus recursos de países tidos como mais arriscados, como os emergentes, e aplicá-los em ativos considerados mais seguros, como os títulos do governo norte-americano.

Ao contrário de fevereiro, em janeiro os investidores estrangeiros haviam ingressado com 401,408 milhões de reais líquidos na Bovespa. Em 2010, os estrangeiros depositaram 5,958 bilhões de reais na Bolsa, cifra 71% inferior ao recorde registrado no ano anterior, quando a entrada de capital externo somou 20,596 bilhões de reais.

Continua após a publicidade

(com Agência Estado)

Publicidade