Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Bolsa de Tóquio recua 0,39%, com iene forte

Por Da Redação 10 Maio 2012, 05h23

Tóquio – A Bolsa de Tóquio caiu nesta quinta-feira, uma vez que as tendências de ganhos de ações como as da Toyota foram sufocadas pelos resultados decepcionantes da Renesas Electronics e outras, em meio a um sentimento geral dos investidores de não comprometimento com o risco.

O índice Nikkei recuou 35,41 pontos, ou 0,39%, para 9.009,65 pontos após a retração de 1,5% no pregão anterior. Durante a sessão, o índice caiu abaixo do importante patamar psicológico dos 9.000 pontos pela primeira vez desde 14 de abril. O volume de negócios manteve-se tímido, mas apesar disso, foi o mais robusto desde 27 de abril, totalizando 1,9 bilhão de ações.

O Nikkei caiu abruptamente desde o início, com a persistência do iene em se fortalecer ante o dólar e o euro, o que pressionou o humor dos investidores. “As preocupações sobre a capacidade de recuperação da economia dos EUA – bem como o aumento resultante do iene – constituem um golpe duplo para a população japonesa”, disse Tatsunori Kawai, estrategista-chefe da kabu.com Securities. “Os níveis de participação relativamente baixos em torno do período de divulgação de balanços tende a agravar a alta do iene”, afirmou Kawai.

“Depois de um abril desastroso e de um mês de maio fraco, muitos fundos estão agora apenas no ponto de equilíbrio para o ano. Os investidores têm permanecido de lado, reduzindo riscos e comprando defensivos”, disse um diretor de vendas de ações de uma corretora estrangeira. “Levará algum tempo para sair dessa inércia”, frisou ele.

Dentre as blue chips, a Toyota avançou 0,8%, após anunciar lucro operacional de orientação de 1 trilhão de ienes para o atual ano fiscal que termina em março de 2013, em linha com a previsão do mercado.

Continua após a publicidade

As compras defensivas se refletiram em ações de fabricantes de medicamentos como Eisai e Daiichi Sankyo, cujos papéis subiram, respectivamente, 1,6% e 1,3%.

Por outro lado, a Bridgestone perdeu 1,8%, após sua previsão de lucro operacional de 269 bilhões de ienes, abaixo da meta estimada pelos analistas de 277,5 bilhões de ienes.

A Renesas Electronics também caiu 14%, depois que a companhia informou uma perda líquida de 62,60 bilhões de ienes e adiou sua previsão para o atual ano fiscal, citando problemas de visibilidade.

As redes sociais de serviços e provedores DeNA e Gree ganharam 7,1% e 2,4, respectivamente. As duas empresas disseram nesta quarta-feira que deixarão de colocar pontos-bases em seus jogos que estimulam seus usuários a comprar itens virtuais. O sistema está em análise pela Consumer Affairs Agency. Ao todo, seis empresas já anunciaram a suspensão desse sistema de jogo.

A Tokyo Electric Power fechou em alta de 6,5%, depois que o governo aprovou na quarta-feira seu plano de reestruturação em troca de uma injeção de capital de 1 trilhão de ienes. As informações são da Dow Jones.

Continua após a publicidade
Publicidade