Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

BM aprova empréstimo de US$ 670 mi para transporte e saneamento

Washington, 27 jan (EFE).- O Banco Mundial (BM) aprovou nesta sexta-feira dois empréstimos, no valor total de US$ 670 milhões, para melhorar o sistema de transporte urbano no Rio de Janeiro e também para a ampliação do fornecimento de água potável e saneamento em Sergipe.

O ‘Projeto do Sistema de Ferrovia Urbana do Rio de Janeiro’, que conta com os US$ 600 milhões do BM, permitirá expandir a frota de trens com 60 comboios de quatro unidades, o que beneficiará o transporte de mais de 500 mil passageiros diários, além de reduzir as emissões de dióxido de carbono.

A cidade do Rio de Janeiro enfrenta um crescente desafio urbano devido à congestão no transporte, já que a falta de estrutura impede o adequado desenvolvimento e acesso aos empregos, educação e saúde.

Com a implementação deste novo projeto, os moradores da baixada fluminense levarão menos tempo para se deslocarem até a capital carioca, isso sem falar na melhora do serviço e no conforto.

O diretório do organismo multilateral também confirmou o empréstimo de US$ 70,3 milhões para a modernização e ampliação da provisão de água potável no estado de Sergipe.

De acordo com o Banco Mundial, aproximadamente 237 mil pessoas precisam de acesso a água potável neste estado e mais de meio milhão não têm um sistema adequado de saneamento básico e de gestão de águas residuais.

O déficit de provisão de água se situa em 65% e, até o momento, cobria-se com custosas transposições de bacias afastadas.

A bacia do rio Sergipe, onde se concentra o projeto, é uma das áreas mais contaminadas do estado e abriga um milhão de habitantes, incluindo a capital Aracajú.

Ambos os créditos contam com um período de 5 anos de isenção de juros e 30 anos e 25 anos de tempo de amortização, respectivamente. EFE

afs/fk