Clique e assine a partir de 9,90/mês

Anvisa proíbe venda de lote de Lexotan

Medicamento que combate estresse e ansiedade apresentou resultado abaixo das especificações em teste realizado pela Roche

Por Da redação - Atualizado em 28 Jul 2017, 09h50 - Publicado em 19 Jul 2017, 10h21

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu nesta quarta-feira a comercialização de um lote do medicamento Lexotan 3 mg, indicado para combater ansiedade e estresse.

O órgão classificou o lote RJ0874 (com validade até 01/2019)  como de “baixo risco” após comunicado da fabricante Roche Químicos e Farmacêuticos confirmar a detecção de resultados abaixo da especificação do produto.

O produto também não pode mais ser distribuído aos pontos de venda a partir desta quarta-feira, de acordo com a resolução publicada no Diário Oficial da União. A publicação também determinou o recolhimento do estoque existente no mercado.

A Roche, fabricante do medicamento, informa que que proativamente comunicou a Anvisa sobre a detecção de uma alteração (queda na dissolução – parâmetro que determina o tempo de absorção do medicamento pelo organismo), durante estudos de estabilidade.

Continua após a publicidade

“A Roche reforça o seu compromisso com a saúde dos brasileiros e considera que o caso não apresenta risco aos pacientes, uma vez que o ocorrido não impacta na segurança e eficácia do lote”, diz o laboratório.

Publicidade