Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Anatel permite que Soros Fund assuma Sunrise

Por Eduardo Rodrigues

Brasília – A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) concedeu nesta quinta-feira a anuência prévia para que o Soros Fund, sediado nas Ilhas Cayman e gerido pelo bilionário húngaro-americano George Soros e seu filho Robert, assumam o controle da Sunrise, empresa brasileira de TV paga que atua no interior do Estado de São Paulo.

O conselheiro relator do processo na Anatel, Jarbas Valente, afirmou que a demanda da Sunrise foi analisada rapidamente pela agência reguladora para permitir que a empresa esteja apta para participar do leilão de 4G. O prazo para a entrega de propostas vai até 5 de junho, com o certame está marcado para 12 de junho.

Segundo o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, Soros estaria interessado em participar do leilão de 4G, não para a faixa de 2,5 gigahertz (GHz) de telefonia, mas para frequência de 450 megahertz (MHz) voltada para internet móvel rural.

A possibilidade de um grupo internacional assumir o controle de uma empresa de TV paga no Brasil foi aberta pela nova legislação aprovada em setembro do ano passado, que reduziu as limitações ao capital estrangeiro no setor de TV por assinatura. Por isso, a Sunrise migrou sua outorga de TV via rádio (MMDS) para o chamado Serviço de Acesso Condicionado (Seac), criado pela nova lei. A empresa também já possui autorização para prestação de serviços de internet em todo o País, mas ainda não atua nesse setor.