Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Alemanha diz ser mais provável que Espanha acesse fundo permanente

Por Da Redação 11 jun 2012, 08h10

BERLIM, 11 Jun (Reuters) – Um porta-voz do Ministério das Finanças da Alemanha disse nesta segunda-feira ser mais provável que a Espanha acesse o novo instrumento permanente de resgate da zona do euro, o Mecanismo Europeu de Estabilização Financeira (ESM, em inglês), do que o atual, o Fundo Europeu de Estabilização Financeira (EFSF, em inglês).

O bloco de 17 países concordou no sábado em emprestar à Espanha até 100 bilhões de euros para seu fundo de resgate bancário em uma tentativa de dar garantias a investidores e formar uma nova proteção diante da crise de dívida soberana da região.

No entanto, continua incerto quanto de ajuda a Espanha buscará e se os empréstimos virão do temporário EFSF ou do ESM, que deve entrar em vigor em 1o de julho.

“O ESM é uma opção mais provável do que o EFSF. (…)O ESM é em quase todos os sentidos mais efetivo do que o EFSF”, disse o porta-voz Martin Kotthaus à imprensa.

Segundo o porta-voz do governo alemão Steffen Seibert na mesma entrevista, o que vai determinar se os fundos virão do EFSF ou do ESM é quando a Espanha fará o pedido formal.

(Reportagem de Matthias Sobolewski)

Continua após a publicidade
Publicidade