Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Por dívida de Mariel, Temer ameaça cortar repasse do ‘Mais Médicos’ a Cuba

Governo Miguel Díaz-Canel pendurou faturas de 17,5 milhões no BNDES

Por Gabriel Mascarenhas
Atualizado em 18 set 2018, 06h31 - Publicado em 18 set 2018, 06h31

Michel Temer mandou avisar a Miguel Díaz-Canel como pretende convencê-lo a quitar os 17,5 milhões de dólares que o governo cubano deve ao BNDES.

A dinheirama se refere a parcelas em atraso do financiamento para a construção do porto de Mariel, erguido com recursos do banco de fomento brasileiro.

Se a conta não for acertada em breve, o Palácio do Planalto vai suspender o repasse dos milhões a Havana relativos ao “Mais Médicos”.

Em vez de pagar os salários diretamente aos cubanos, o Brasil envia a grana ao governo daquele país, que fica com (a maior) parte dos recursos e se encarrega de remunerar os profissionais que trabalham por aqui.

Continua após a publicidade

Temer tratou do assunto com Dyogo Oliveira nesta segunda (17) e, em seguida, determinou que o Itamaraty entre no circuito e faça o recado chegar a Diaz-Canel.

A pendência ainda não provocou rusgas significativas na relação Brasil-Cuba, mas tende a ganhar formas de crise internacional caso Havana insista em pendurar suas faturas no BNDES.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.