Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Os aplicativos de celular mais baixados na pandemia

Levantamento indicou a preferência dos brasileiros desde o início da crise sanitária em 2020

Por Lucas Vettorazzo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 16 fev 2022, 16h45 - Publicado em 16 fev 2022, 16h43

A pandemia empurrou os brasileiros para o uso das tecnologias remotas via internet e o celular tornou-se uma ferramenta valiosa no período de isolamento social e distanciamento.

Uma pesquisa da Navita, empresa de gestão no setor de telecomunicações, indicou quais foram os apps mais baixados nos 18 primeiros meses da pandemia, a partir de março de 2020.

A pesquisa indicou um pico de downloads em três momentos de 2020: em março, no início da crise, no meio do ano, quando houve o crescimento do número de casos de Covid-19, e em dezembro, com o afrouxamento das medidas restritivas.

No primeiro mês da pandemia, Uber, Waze e 99 foram os mais baixados na categoria transportes, enquanto Candy Crush e Wish foram os preferidos entre os apps de jogos e compras.

Continua após a publicidade

Em junho e agosto, os três aplicativos transporte continuaram no topo dos downloads, acompanhados das redes sociais LinkedIn, Tik Tok e Kwai, de edição de vídeos. Já em dezembro de 2020, segundo a Navita, os mais baixados foram Waze, 99, LinkedIn, Tik Tok e Spotify.

O estudo apontou ainda que nos seis primeiros meses de 2021 houve um aumento na instalação de jogos e aplicativos de streaming e em abril e junho, a queda na instalação de apps de transportes.

O estudo foi realizado em 20 mil equipamentos, entre tablets e smartphones, em 60 cidades do Brasil.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.