Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar Econômico

Por Pedro Gil (interino)
Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes e Felipe Erlich
Continua após publicidade

O que pensa Gustavo Franco sobre a nova economia de dados pessoais

Ex-presidente do Banco Central propõe regulação em escala global e faz analogia com bancos

Por Felipe Erlich Atualizado em 9 Maio 2024, 20h13 - Publicado em 9 nov 2023, 09h36

O ex-presidente do Banco Central Gustavo Franco defende que o uso econômico de dados pessoais precisa ser supervisionado para além das fronteiras de países. O economista cita a realização de um acordo entre governos de diferentes nações para avançar nesse sentido, fazendo uma analogia com o que já ocorre no sistema bancário mundial. Franco lembra que, com o fim do padrão dólar-ouro, nos anos 1970, foi criado o Comitê da Basileia, uma organização supranacional para fortalecer as finanças globais e a integração entre bancos centrais, e que se reúne anualmente.

Franco também considera importante que os cidadãos, enquanto agentes econômicos, possam negociar a propriedade de seus dados pessoais por meio de corretores especializados, como ocorre com outros ativos no mercado. “Bancos às vezes pagam por depósitos, às vezes não. Já em relação aos dados, ou eles são compartilhados de graça ou em troca por serviços. Então por que não pagar pelos dados importantes?”, disse durante o evento DrumWave Day, da empresa homônima, em Palo Alto, na Califórnia, na última sexta-feira, 3.

Siga o Radar Econômico no Twitter

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.