Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar Econômico Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por Victor Irajá
Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes e Felipe Erlich
Continua após publicidade

O impacto da crise do varejo nos planos da Petz para 2024

VEJA S/A: varejista deve diminuir ritmo de abertura de novas lojas e limitar movimentos de fusões e aquisições; prioridade será preservar o caixa

Por Diego Gimenes Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 1 dez 2023, 12h11 - Publicado em 28 nov 2023, 14h32

As elevadas taxas de juros brasileiras e o alto endividamento das famílias minaram os planos do varejo em 2023. As vendas caíram e as ações das varejistas listadas em bolsa acompanharam a tendência de baixa. A Petz não escapou desse cenário e acumula uma desvalorização de 36% na B3 este ano. O tom da companhia a longo prazo é de tranquilidade, mas para 2024 ainda é de cautela. Em entrevista ao programa VEJA S/A, o fundador e presidente da empresa, Sergio Zimerman, afirmou que a Petz deve abrir menos lojas em relação a 2023. Foram 30 aberturas ao longo do ano. “A gente tem a estimativa de que o número não será superior a 30 no ano que vem”, disse.

As operações de fusões e aquisições que surpreenderam o mercado nos últimos anos também devem ficar em segundo plano. A prioridade da empresa será a integração das aquisições já concluídas pela companhia. “Fusões e aquisições não são prioridade para 2024. Iniciamos um processo intenso de integração das aquisições em 2023 e vamos concluí-lo em 2024, essa é a prioridade”, afirmou. “Novas aquisições poderão acontecer de forma muito pontual e se for algo muito interessante, mas o objetivo de curto prazo, com o mercado arrefecido, é proteger o caixa”, concluiu. Sobre os rumores de fusão com a Cobasi, o empresário se limitou a dizer que não comenta especulações de mercado.

Siga o Radar Econômico no Twitter

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.