Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes.

Precatórios serão retirados do Renda Cidadã, define governo

Outros problemas, contudo, precisam ser resolvidos para dar um passo atrás

Por Machado da Costa Atualizado em 30 set 2020, 17h40 - Publicado em 30 set 2020, 17h27

Está batido o martelo. A ideia desastrada de utilizar recursos para o pagamento de precatórios no custeio do Renda Cidadã está morta. Agora o governo corre para resolver dois problemas, um de ordem econômica e outro de ordem política. Nos últimos dias, o ministro da Economia, Paulo Guedes, lutou contra o avanço da proposta e nas últimas horas conseguiu convencer o presidente Jair Bolsonaro.

O primeiro a ser resolvido é de onde virão os recursos para bancar um programa que custa mais de 50 bilhões de reais por ano — algo que não está fechado ainda. O segundo é como dar este passo atrás sem parecer que foi uma derrota política.

+ Siga o Radar Econômico no Twitter

Publicidade