Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana
Radar Econômico Por Machado da Costa Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças.

O momento varguista de Bolsonaro: ‘o petróleo é nosso’

Presidente usou frase marqueteira dos anos 1950 para justificar mudanças na Petrobras

Por Machado da Costa 22 fev 2021, 10h26

O Presidente Jair Bolsonaro rememorou uma das frases mais famosas do fim do governo de Getúlio Vargas: “O petróleo é nosso”. Foi o mote da campanha para a criação da Petrobras, em 1953. Bolsonaro, em 2021, ao falar para apoiadores à frente do Palácio da Alvorada, defendeu sua ordem de trocar o comando da estatal. Disse que apenas o mercado financeiro se aproveitava da política de preços da estatal e mandou: “o petróleo é nosso ou de apenas um pequeno grupo?”.

Bolsonaro, contudo, continua a dizer que a demissão de Roberto Castello Branco não representa uma intervenção na política de preços. Ele afirma que é preciso previsibilidade e que o governo não possa ser pego de surpresa com aumentos.

+ Siga o Radar Econômico no Twitter

Publicidade