Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças

Auxílio emergencial deve ser votado no Senado na terça, 2 de março

Cronograma para votação da PEC Emergencial foi fechado nesta quinta-feira, 25

Por Machado da Costa Atualizado em 12 mar 2021, 06h25 - Publicado em 25 fev 2021, 11h58

O Senado Federal fechou o cronograma para votar a PEC Emergencial, que poderá reeditar o Auxílio Emergencial. A proposta deverá ser votada na próxima terça-feira, 2 de março, em primeiro turno, na Casa. O relatório de Marcio Bittar (MDB-AC), o que inclui a cláusula de calamidade e a reedição do Auxílio Emergencial, será lido nesta quinta-feira, 25, no plenário do Senado. Depois de aprovado em dois turnos, a PEC vai para a Câmara.

A tendência é que o texto seja desidratado devido a pontos polêmicos como o fim das vinculações constitucionais de receitas para os setores de saúde e educação. Conforme o Radar Econômico informou na quarta, 24, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), prometeu a lideranças que o Plano Mansueto, que define as desvinculações, será retirado do texto.

+Siga o Radar Econômico no Twitter

Publicidade