Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes.

A nova vitória de Nubank, C6 e Inter sobre os grandes bancos

Neobancos roubam audiência

Por Josette Goulart 23 set 2021, 11h59

Os bancões estão perdendo um espaço valioso na relação com os clientes: a dos aplicativos próprios. Um estudo do fundo Atlantico com base em usuários de telefones Android mostra que em dezembro de 2019, Banco do Brasil, Bradesco e Itaú tinham juntos 67% do total de audiência de usuários únicos nos aplicativos (o Santander não foi monitorado nesta parte do estudo). Esse percentual caiu para 53% em menos de dois anos, com o Banco do Brasil perdendo a maior fatia. Já o Nubank saiu de 21% para 28%, sendo agora o líder de audiência. O Inter saiu de 7% para 10% e o C6 que tinha traço tem agora 7%. Ter audiência nos aplicativos é fundamental para expandir as atividades bancárias e a venda de produtos financeiros e também não financeiros, já que os bancos estão agora fazendo marketplace em seus aplicativos.

Claro que os grandes bancos ainda têm grandes vantagens sobre as fintechs. O Atlantico também apresenta em seu estudo os números do Guiabolso, que mostram que enquanto os grandes bancos possuem clientes únicos, os clientes dos neobancos quase nunca só têm uma única conta. Para dar um exemplo: 47% dos usuários do Guiabolso só possuem conta no Itaú. Percentual que cai para 1% no caso do Nubank.

Publicidade