Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes.

A lição de Chimamanda sobre a raiva

Guarde no bolso e conte histórias

Por Josette Goulart Atualizado em 17 jun 2021, 23h33 - Publicado em 18 jun 2021, 07h01

“Não começo palestras com raiva, mesmo se estiver sentindo. A raiva aliena as pessoas e, quando estou tentando convencer alguém, guardo a raiva no bolso por um tempo e tento me ater aos fatos e às histórias. A verdade é que o feminismo é necessário para o mundo. Se quisermos justiça no mundo, todos precisamos abraçar o feminismo. A função do feminismo é chegar ao ponto de não precisarmos mais dele, chegar ao ponto em que as mulheres possam ser seres humanos completos. Isso parece tão óbvio, mas em toda parte do mundo não acontece.”

CHIMAMANDA NGOZI ADICHIE, escritora nigeriana em entrevista ao programa Roda Viva, em 14.06.2021.

 

Continua após a publicidade
Publicidade