Blogs e Colunistas

Rake

Lista completa das séries canceladas na Temporada 2013-2014

TVforadoarPostagem atualizada no dia 31 de maio.

Entre os dias 12 e 15 de maio, as redes americanas anunciarão sua nova programação. Com a encomenda de novas séries, aquelas que registravam baixa audiência foram canceladas.

Tendo em vista se tratar de muitas produções, segue uma lista com todos os títulos que foram cancelados nesta Temporada. Este ano, decidi incluir as produções da TV a cabo e de outros países, que costumam ser divulgados neste blog.

Embora as Temporadas iniciem em setembro, finalizando em maio, existem algumas produções que são exibidas na Summer Season (período entre junho e agosto) que também foram canceladas e outras que tiveram seu cancelamento anunciado durante o período da Summer Season. Para que elas não fiquem de fora da lista, estou considerando (apenas para este propósito) que a Temporada de 2013-2014 compreende os meses entre junho de 2013 e maio de 2014.

Com isto, esta lista cobre todos os cancelamentos ocorridos desde a publicação da última lista (Temporada 2012-2013), que você pode conferir aqui. Lembrando que a lista anterior cobre apenas as produções da rede aberta, no período entre setembro de 2012 e maio de 2013.

A título de registro, a lista também inclui as produções que foram encerradas, ou seja, aquelas que acabaram porque os produtores concluíram que a história já tinha sido contada ou que a série já tinha chegado ao seu limite.

ABC 
The Assets
Back in the Game
Betrayal
Killer Women
Lucky 7
Mind Games
Mixology
The Neighbors
Once Upon a Time in Wonderland
Suburgatory
Super Fun Night
Trophy Wife

 

ABC Family 
Ravenswood
Bunheads
The Lying Game

 

A&E
The Glades

Obs.: embora não tenha sido feito qualquer anúncio, o remake de Those Who Kill é considerado como cancelado.

 

AMC 
Low Winter Sun
Breaking Bad (produção encerrada com cinco temporadas)

 

BBC America 
Copper

 

CBS 
Bad Teacher
The Crazy Ones
Friend Me (cancelada sem ter estreado)
Friends with Better Lives
Hostages
Intelligence
We Are Men

 

CW 
The Carrie Diaries
Star-Crossed
The Tomorrow People
Nikita (tinha sido renovada para a última temporada, exibida em 2014)

 

Fox 
Almost Human
Dads
Enlisted
Murder Police (cancelada sem ter estreado)
Raising Hope
Rake
Surviving Jack

Obs.: a série Us & Them é considerada como cancelada antes de sua estreia, embora a Fox não tenha oficializado esta informação.

 

FX
Chozen

 

FXX
Legit

 

HBO 
Eastbound & Down (produção encerrada com quatro temporadas)
Family Tree
Treme (produção encerrada com quatro temporadas)

 

Lifetime 
Army Wives
Drop Dead Diva
The Client List

 

MTV 
Zach Stone is Gonna Be Famous

 

NBC
Believe
Camp
Community
Crisis
Dracula
Growing Up Fisher
Ironside
The Michael J. Fox Show
Revolution
Save Me
Sean Saves the World
Welcome to the Family

 

Starz 
Magic City

 

Showtime 
The Borgias

 

SyFy
Being Human (remake americano)
Warehouse 13 (tinha sido renovada para a quinta e última temporada, exibida em 2014)

 

TBS 
Men At Work

 

TNT 
King and Maxwell
Mob City

 

TV Land 
Happily Divorced

 

USA Network 
Burn Notice (produção encerrada com sete temporadas)
Necessary Roughness
Psych (produção encerrada com oito temporadas)

 

Séries que foram renovadas para a última temporada

Boardwalk Empire (para a quinta e última temporada)
Californication (para a sétima e última temporada – já em exibição)
Cougar Town (para a sexta e última temporada)
Glee (para a sexta e última temporada)
Hello Ladies (terá um especial para encerrar a história)
Justified (para a sexta e última temporada)
The Killing (para a quarta e última temporada)
The Mentalist  (para a sétima e última temporada)
The Newsroom (para a terceira e última temporada)
Parenthood (para a sexta e última temporada)
Parks and Recreation (para a sétima e última temporada)
See Dad Run (para a terceira e última temporada)
Sons of Anarchy (para a sétima e última temporada)
Strike Back (para a quinta e última temporada)
True Blood (para a sétima e última temporada)
Two and a Half Men (para a 12ª temporada)
White Collar (para a sexta e última temporada)
Wilfred (para a quarta e última temporada)

 

Inglaterra

BBC 
Hebburn
The Paradise
Frankie
Heading Out
Luther (produção encerrada com três temporadas)
Outnumbered (produção encerrada com cinco temporadas)
Silk (produção encerrada com três temporadas)
Way To Go
The Wright Way

Obs.: em entrevistas à imprensa britânica, o ator Tom Hollander disse que não há intenção de se produzir uma nova temporada de Rev. O canal ainda não confirmou a informação.

 

Channel 4 
Bad Sugar (cancelada com apenas o piloto exibido)
Misfits (produção encerrada com cinco temporadas)

 

ITV 
The Bletchley Circle
Breatheless
Love and Marriage
Poirot (produção encerrada com 13 temporadas)
Whitechapel

 

Sky 
Starlings

 

Canadá

CBC 
Arctic Air
Cracked

 

CTV 
Satisfaction

22/11/2013

às 12:34 \ Cartazes, Remakes, Séries Anos 2010-2019

Cartazes de ‘Rake’ e ‘Ja’mie: Private School Girl’

A versão americana de Rake (série australiana) estreia nos EUA no dia 23 de janeiro. Cliquem nas fotos para ampliar.
S1Rake-CartazJPS-Cartaz

Canal Fox define datas de estreias e retornos de suas séries

O canal Fox divulgou o calendário de sua Fall Season, que tem início em setembro, nos EUA.

No dia 16 de setembro, o canal estreia a série Sleeppy Hollow e inicia a exibição da nova temporada de Bones. No dia seguinte, o canal estreia duas sitcoms, com Dads e Brooklyn Nine-Nine, e retorna com outras duas, New Girl e The Mindy Project. No dia 19 de setembro é a estreia da nova temporada de Glee.

No dia 20 29 é a vez do canal começar a exibir as novas temporadas de suas séries animadas: Os Simpsons, Bob’s Burgers, Uma Família da Pesada e American Dad.

Em novembro estreia no dia 4 a nova série de J. J. Abrams, Almost Human. Neste mesmo dia a série Sleepy Hollow começa a exibir seus novos episódios. A série Bones migra para as noites de sexta-feiras no dia 8 de novembro, quando também estreiam a nova temporada de Raising Hope e da série Enlisted.

Ficaram para a midseason de 2014 as séries Rake, remake de produção australiana, Gang Related, Us & Them, Surviving Jack, The Following e o retorno de 24 Horas, que terá novos episódios produzidos no formato minissérie.

Vejam informações sobre as novas produções aqui. Confiram também as grades dos canais CBS, NBC e CW. Ainda falta o canal ABC divulgar seu calendário.

10/05/2013

às 8:36 \ Remakes, Séries Anos 2010-2019, Trailers

Vídeo: primeiras imagens de ‘Rake’, com Greg Kinnear

A Fox deve anunciar no dia 13 de maio a encomenda da primeira temporada de Rake, remake de série australiana que, segundo a imprensa americana, teve sua produção aprovada pelo canal. Um piloto foi produzido para ser avaliado pela Fox. As imagens do vídeo seriam deste piloto. Se confirmada, esta será a primeira série estrelada por Greg Kinnear, que em 2011 interpretou John Kennedy na minissérie The Kennedys.

Adaptação de Paul Attanasio (House) para a série australiana criada por Peter Duncan, Charles Waterstreet Richard Roxburgh, a versão americana narra a vida de Keegan Deane (Kinnear), um brilhante, porém autodestrutivo advogado criminalista. Acreditando no sistema e mantendo uma postura otimista, Keegan defende traficantes, assassinos, ladrões e almas perdidas, apesar dele mesmo não conseguir manter boa credibilidade profissional ou pessoal.

Nas imagens, vemos Kinnear ao lado de Necar Zadegan (Emily Owens, The Event) e John Ortiz (Luck), que interpretam Ben e Scarlett, amigos de Keegan, sendo que ela é uma assistente da promotoria.

A série australiana chegou ao Brasil pelo canal Globosat HD.

A produção é da Sony Pictures TV.

Fox aprova a produção de nove séries para a Temporada 2013-2014

'Sleepy Hollow'

No dia 13 de maio a Fox confirmou a encomenda da séries listadas nesta postagem.

Preparando-se para sua apresentação no Upfront, evento no qual canais americanos divulgam sua nova programação, a Fox começa a informar os envolvidos com os pilotos produzidos para avaliação quais foram aprovados e quais foram descartados. Segundo o Variety, e outros veículos da imprensa americana, o canal já teria contatado os produtores de nove projetos aprovados pelo canal. A Fox fará o anúncio de suas novas séries no dia 13 de maio.

Entre os projetos que já teriam sido aprovados estão Almost Human, Rake, Sleepy Hollow, Gang Related, todos dramas; e DadsUs & Them, Surviving Jack, Enlisted Brooklyn Nine-Nine, todos comédias.

'Us & Them'

US & THEM é uma produção de David Rosen (I Just Want My Pants Back) que chegou a ter o título de Friends & Family. O projeto foi divulgado em outubro de 2012.

Trata-se de um remake para a série britânica Gavin & Stacey, criada por James Corden e Ruth Jones, exibida na Inglaterra pelo canal BBC3 entre 2005 e 2007. Esta é a segunda tentativa da TV americana de adaptar esta série britânica. A primeira ocorreu em 2009, quando a ABC desenvolveu um projeto com roteiro de Stacy Traub e Hayes Jackson.

Na produção original, a história acompanhou o relacionamento de Gavin e Stacey. A série tem início quando os dois se conhecem (por telefone) e depois de muitas ligações e troca de ideias, decidem se encontrar. Ao longo dos episódios, o público testemunha diversos momentos importantes do namoro dos dois, a forma como cada um se relaciona com os membros das respectivas famílias, o noivado e finalmente o casamento. Nos últimos episódios, a história mostra os altos e baixos da rotina do casal, a separação, a reconciliação e a procura por emprego. A série termina quando Stacey fica grávida. Em paralelo à vida do casal, a série também apresentou o relacionamento entre Smithy e Nessa, amigos de Gavin e Stacey, que mantinham uma relação de amor e ódio.

Na versão americana, Jason Ritter (The Event, Parenthood) interpretará Gavin e Alexis Bledel (Gilmore Girls) é Stacey; Dustin Ybarra será Smithy, melhor amigo de Gavin, com quem ele divide um apartamento; Kerri Kenney-Silver (Reno 911!) é Gwen, mãe de Stacey; Kurt Fuller (Psych) e Jane Kaczmarek (Malcolm) são Michael e Pam, pais de Gavin; e Ashlie Atkinson é Nessa.

A produção é da Sony Pictures TV em parceria com a BBC Worldwide Productions e a Baby Cow Productions, responsável pela série inglesa.

'Surviving Jack'

SURVIVING JACK é uma produção de Bill Lawrence (Scrubs, Cougar Town) divulgado em setembro de 2012 com o título de I Suck At Girls. Esta é uma comédia que adapta a obra de Justin Halpern, responsável pelo roteiro juntamente com Patrick Schumacker. Os dois criaram a série  $#*! My Dad Says, que foi inspirada no perfil do Twitter de Halpern.

No livro, Justin relembra diversos momentos de sua infância, adolescência e fase adulta. As pessoas que conheceu, as lições que aprendeu, os erros que cometeu e os acertos que o levaram a uma nova fase de sua existência, na companhia de amigos e familiares.

A série é divulgada como sendo a de um jovem que se torna adulto e de um adulto que se torna pai.

A história gira em torno de Jack Dunlevy (Christopher Meloni, de Law & Order: SVU), um oncologista que não leva desaforos para casa. Quando sua esposa (Alex Kapp) decide voltar a estudar Direito, ele precisa passar mais tempo em casa cuidado de seus filhos, Frankie (Connor Buckley) e Rachel (Claudia Lee, de Hart of Dixie).

Alex Kapp deixou o elenco e será substituída por outra atriz.

A produção é da Warner Brothers TV em parceria com a Doozer Productions.

'Brooklyn Nine-Nine'

BROOKLYN NINE-NINE é uma produção de Michael Schur e Dan Goor, ambos de Parks and Recreation, com projeto anunciado em agostoNo mesmo mês, a Fox adquiriu o projeto.

Trata-se de uma sitcom que gira em torno de um grupo de detetives de uma delegacia de Nova Iorque, formado pelo sargento Terry Jeffords (Terry Crews, de Everybody Hates Chris e Are We There Yet?), o detetive Jake Peralta (Andy Samberg, de Cuckoo); a ex-professora e a agora detetive Amy Santiago (Melissa Fumero, de Gossip Girl); o detetive Charles (Joe Lo Truglio), um homem recém divorciado que se sente responsável por orientar o novato Jake; a policial Megham (Stephanie Beatriz), uma jovem inexperiente que se assusta facilmente com o perigo que a cerca, o que deixa seus colegas preocupados com sua presença sempre que investigam um caso; e Gina (Chelsea Peretti, roteirista de Parks and Recreation), uma funcionária civil que tem fama de excêntrica.

O grupo está sob o comando do Capitão Bob Morales (Andre Braugher, de Men of a Certain Age e Last Resort), que trocou seu nome para Bob Holt.

Com direção de Phil Lord e Chris Miller (21 Jump Street), o piloto tem produção da Universal TV.

'Enlisted'

ENLISTED é uma produção de Kevin Biegel (Cougar Town) que teve seu projeto divulgado em setembro de 2012 quando ainda não tinha um título definido. Inspirada na vida de Biegel, a história gira em torno de três irmãos com temperamentos diferentes. Eles servem juntos na mesma base militar localizada na Flórida.

Os irmãos são: Pete Waits (Geoff Stults, de The Finder) um sargento orgulhoso e leal que tem uma aptidão natural para ser líder mas está preso a uma base na Flórida onde nada acontece; Randy Waits (Parker Young, de Suburgatory) um soldado com coração de ouro, mas com tendência a constantemente quebrar equipamento militar; e Derrick (Chris Lowell, de Private Practice) também soldado, que tem um humor cínico e sarcástico. Embora deteste a base, ele vai ficando por lá porque não sabe que outra coisa poderia fazer na vida.

No elenco também estão Keith David (The Cape) como Cody Wallace, comandante da base; e Angelique Cabral, como Julie Perez, sargento na base, adorada pelos demais soldados.

A produção é da 20th Century Fox.

'Dads'

DADS é uma produção de Alec Sulkin, Wellesley Wild e Seth MacFarlane que já teria recebido a encomenda de seis episódios há alguns meses. O projeto foi divulgado em setembro de 2012.

A história gira em torno de Eli (Seth Green) e Warner (Giovani Ribisi), dois amigos que mantêm sociedade em uma empresa de videogames. A rotina dos dois é alterada quando seus respectivos pais decidem morar com eles.

Casado com Camilla (Vanessa Lachey), com quem tem dois filhos, Warner vive em constante alerta, na espera da próxima besteira que seu pai Crawford (Martin Mull, de Night Court) vai aprontar. Já Eli precisa lidar com seu pai, David (Peter Riegert, visto em Família Soprano e Damages), um judeu que sempre enxerga o lado negativo de tudo. Com o passar dos anos, ele se tornou uma pessoa difícil de se agradar e indesejada.

No elenco também estão Brenda Song, como Verônica, a assistente da dupla; e Tonita Castro (Go On), como Edna, a empregada doméstica de Eli que adora uma bebida e embora não fale inglês direito, não perde a oportunidade de dar sua opinião sobre o que quer que seja.

Erin Pineda chegou a ser contratada para interpretar a personagem Camilla, mas deixou o elenco antes de iniciar as filmagens do piloto. Ribisi substituiu Tommy Dewey, de The Mindy Project, originalmente escolhido para interpretar Warner. A produção é da 20th Century Fox.

'Gang Related'

GANG RELATED é uma produção de Chris Morgan. Na história, Ryan Lopes (Ramón Rodriguez, de A Escuta e Charlie’s Angels), o membro de uma gangue, é estrategicamente colocado dentro do departamento de polícia de São Francisco com o objetivo de auxiliar os criminosos. No entanto, conforme ele vai subindo de posto, se vê cada vez mais envolvido com os trabalho realizado pelo departamento. Com isso, Ryan precisa buscar uma forma de lidar com suas obrigações para com a gangue, mantendo de alguma maneira sua lealdade para com a polícia.

Seus melhores amigos são Dante Acosta (Jay Hernandez) e Cassius (Rza). O primeiro é o filho de Javier Acosta (Cliff Curtis, de Missing), líder da gangue conhecida como La Familia Sud. Inteligente e gentil, Dante é o único da família a fazer faculdade. O sonho de Javier é ver o filho longe do crime mas, para proteger a família, o rapaz acaba se envolvendo cada vez mais com as atividades ilegais, com o objetivo de um dia assumir os negócios do pai. Já Cassius é um homem que cresceu nas ruas de Oakland e agora é o parceiro de Ryan na polícia.

A equipe está sob as ordens de Sam Chapel (Terry O’Quinn, de Lost), chefe de polícia. No elenco também estão Inbar Lavi (Underemployed) como a detetive Vanessa Hicks; Shantel Vansanten (One Tree Hill) como a Dra. Jessica Shaw; e Sung Kang, como Tae Kim, um especialista em gangues asiáticas que trabalha para o FBI.

O’Quinn substituiu o ator Tom Berenger (Hatfields & McCoys), que chegou a ser contratado para interpretar Sam Chapel, mas deixou o elenco por diferenças criativas quanto ao desenvolvimento de seu personagem.

A produção é da 20th Century Fox em parceria com a Imagine Television.

'Rake'

RAKE é uma adaptação de Paul Attanasio (House) para a série australiana criada por Peter Duncan, Charles Waterstreet Richard Roxburgh, que também estrela a produção original.

A história narra a vida de Keegan Deane (Greg Kinnear, de The Kennedys), um brilhante, porém autodestrutivo advogado criminalista. Acreditando no sistema e mantendo uma postura otimista, Keegan defende traficantes, assassinos, ladrões e almas perdidas, apesar dele mesmo não conseguir manter boa credibilidade profissional ou pessoal.

Em meio a tudo isso, ele ainda luta contra o imposto de renda, foge de seu agiota e tenta manter uma relação com o filho e a ex-esposa Maddy (Miranda Otto), bem como com seus dois melhores amigos, o casal Ben (John Ortiz, de Luck) e Scarlett (Necar Zadegan, de Emily Owens M.D.), assistente de promotor.

No elenco também estão a australiana Bojana Novakovic, que interpreta Mikki, uma prostituta de quem Keegan é cliente há cinco anos; Tara Summers (Ringer) como Leanne Zander, assistente de Keegan; John Ortiz (Luck), como Ben, amigo e colega de Keegan.

O piloto foi dirigido por Sam Raimi (Spartacus). A produção é da Sony Pictures TV.

ALMOST HUMAN (título provisório) foi criada por J.J. Abrams (Lost, Fringe) e J.H. Wyman (Fringe), com projeto anunciado em setembro de 2012, quando ainda não tinha um título.

Trata-se de um drama futurista no qual a polícia de Los Angeles trabalha ao lado de andróides com aparência humana. O policial humano John Kennex (Karl Urban, dos filmes de Jornada nas Estrelas) é um deles. O parceiro de John é o andróide Dorian (Michael Ealy, de Common Law), que compreende melhor os sentimentos humanos que seu colega. A dupla está sob o comando da Capitã Maldonado (Lily Taylor, de Six Feet Under), uma mulher determinada a deixar sua marca, se sacrificando pelo bem maior.

Na equipe também estão o detetive Richard Paul (Michael Irby) e Rudy Lom (Mackenzie Crook). Paul culpa Kennex pela morte de vários oficiais durante uma missão, e Rudy é o designer excêntrico do departamento de robótica da polícia. Minka Kelly é Valerie Stahl, uma policial com uma visão positiva sobre as pessoas.

A produção é da Warner Brothers TV em parceria com a Bad Robot, produtora de Abrams.

'Almost Human'

SLEEPY HOLLOW é uma produção de Alex Kurtzman e Roberto Orci, ambos de Fringe, e Philip Iscove, com direção de Len Wiseman, divulgada em julho de 2012. Esta é uma adaptação moderna de A Lenda do Cavaleiro Sem Cabeça. Tendo sido oferecido aos canais Fox, CBS, ABC e NBC, o projeto ficou com a Fox.

A história apresenta Ichabod Crane (Tom Mison, de Parade’s End e Lost in Austen), um ex-professor de história que lutou na guerra revolucionária como capitão no Século XVIII. Durante o conflito, ele cortou a cabeça de um cavaleiro. De alguma forma ele surge no nosso tempo onde reencontra o cavaleiro sem cabeça, que agora assombra a cidade de Sleepy Hollow.

Um crime é cometido e o Tenente Frank Williams (Orlando Jones) é enviado à cidade para investigar o homicídio, o qual foi testemunhado pela detetive Abbie Archer (Nicole Becharie). Embora ela estivesse prestes a deixar o cargo para entrar na academia do FBI, Abbie decide unir forças com Ichabond para investigar o caso por conta própria.

No elenco também está Katia Winter(Dexter), esposa de Ichabod Crane, uma enfermeira na guerra revolucionária.

O piloto é produzido pela K/O, produtora de Kurtzman e Orci, em associação com a 20th Century Fox.

Cliquem nas fotos para ampliar.

13/02/2013

às 19:01 \ Pilotos de Séries, Remakes, Versão Televisiva

Fox: Lista de Pilotos – Temporada 2013-2014

O canal Fox encomendou o piloto de oito comédias e oito dramas, totalizando dezesseis projetos que disputam uma vaga na grade do canal para a Temporada 2013-2014. Os pilotos serão avaliados e somente então o canal decidirá quais terão a série aprovada.

A postagem será atualizada quando elenco e novas informações forem divulgados sobre os pilotos. Para acompanhar as atualizações desta postagem, basta colocá-la em Favoritos/Bookmark.

Confiram as listas de pilotos já publicadas: ABCABC FamilyBravoCBSCWFXHBO.

Comédia

* (DESCARTADO) 2 WRONGS - Projeto de Michelle Morgan anunciado em agosto de 2012, quando ainda não tinha um título.

Na história, Jenny (Kelli Garner, de Pan Am), uma jovem impulsiva, namora Nick Zach (Jake Hoffman, filho de Dustin Hoffman), um dentista judeu. Prontos para iniciarem uma vida juntos, eles decidem se casar. Mas, para surpresa de Zach, Jenny o abandona no altar, na hora de dizer ‘o sim’. Sete anos depois, os dois se reencontram e descobrem que ainda estão apaixonados. Assim, decidem morar juntos. Fato que aborrece a família de Zach, que nunca perdoou Jenny. Agora, enfrentando o pessimismo dos familiares e dos amigos, o casal tenta construir uma vida juntos.

No elenco também está Mimi Kennedy (Dharma & Greg), que interpreta Elaine, mãe de Zach.

A produção é da Chernin Entertainment em parceria com a 20th Century Fox TV.

 

* (APROVADO) DADS – Projeto de Alec Sulkin, Wellesley Wild e Seth MacFarlane que já teria recebido a encomenda de seis episódios (informação ainda não confirmada pelo canal). O projeto foi divulgado em setembro de 2012.

A história gira em torno de Eli (Seth Green) e Warner (Tommy Dewey, de The Mindy Project), dois amigos que mantêm sociedade em uma empresa de videogames. Mas a rotina dos dois é alterada quando seus respectivos pais decidem morar com eles. Warner é casado com Camilla (Vanessa Lachey), com quem tem dois filhos. Mas desde que seu pai Crawford (Martin Mull, de Night Court) foi morar com eles, Warner vive em constante alerta na espera da próxima besteira que o pai vai aprontar. Já Eli precisa lidar com seu pai, David (Peter Riegert, visto em Família Soprano e Damages), um judeu que sempre enxerga o lado negativo de tudo. Com o passar dos anos, ele se tornou uma pessoa difícil de se agradar e indesejada.

No elenco também estão Brenda Song, como Verônica, a assistente da dupla; e Tonita Castro (Go On), como Edna, a empregada doméstica de Eli que adora uma bebida e embora não fale inglês direito, não perde a oportunidade de dar sua opinião sobre o que quer que seja.

Erin Pineda chegou a ser contratada para interpretar a personagem Camilla, mas deixou o elenco antes de iniciar a produção.

A produção é da 20th Century Fox.

 

* (APROVADO) ENLISTED – Projeto de Kevin Biegel (Cougar Town) divulgado em setembro de 2012 quando ainda não tinha um título definido.

Inspirada na vida de Biegel, a história gira em torno de três irmãos com temperamentos diferentes. Eles servem juntos na mesma base militar localizada na Flórida.

Os irmãos são: Pete Waits (Geoff Stults, de The Finder) um sargento orgulhoso e leal que tem uma aptidão natural para ser líder mas está preso a uma base na Flórida onde nada acontece; Randy Waits (Parker Young, de Suburgatory) um soldado com coração de ouro, mas com tendência a constantemente quebrar equipamento militar; e Derrick (Chris Lowell, de Private Practice) também soldado, que tem um humor cínico e sarcástico. Embora deteste a base, ele vai ficando por lá porque não sabe que outra coisa poderia fazer na vida.

No elenco também estão Keith David (The Cape) como Cody Wallace, comandante da base; e Angelique Cabral, como Julie Perez, sargento na base, adorada pelos demais soldados.

 

* (APROVADO) US & THEM (ex-FRIENDS AND FAMILY) – Projeto de David Rosen (I Just Want My Pants Back) divulgado em outubro de 2012. Trata-se de um remake para a série britânica Gavin & Stacey, criada por James Corden e Ruth Jones, exibida na Inglaterra pelo canal BBC3 entre 2005 e 2007. Esta é a segunda tentativa da TV americana de adaptar esta série britânica. A primeira ocorreu em 2009, quando a ABC desenvolveu um projeto com roteiro de Stacy Traub e Hayes Jackson.

Na produção original, a história acompanhou o relacionamento de Gavin e Stacey. A série tem início quando os dois se conhecem (por telefone) e depois de muitas ligações e troca de ideias, decidem se encontrar. Ao longo dos episódios, o público testemunha diversos momentos importantes do namoro dos dois, a forma como cada um se relaciona com os membros das respectivas famílias, o noivado e finalmente o casamento. Nos últimos episódios, a história mostra os altos e baixos da rotina do casal, a separação, a reconciliação e a procura por emprego. A série termina quando Stacey fica grávida. Em paralelo à vida do casal, a série também apresentou o relacionamento entre Smithy e Nessa, amigos de Gavin e Stacey, que mantinham uma relação de amor e ódio.

Na versão americana, Jason Ritter (The Event, Parenthood) interpretará Gavin e Alexis Bledel (Gilmore Girls) é Stacey; Dustin Ybarra será Smithy, melhor amigo de Gavin, com quem ele divide um apartamento; Kerri Kenney-Silver (Reno 911!) é Gwen, mãe de Stacey; Kurt Fuller (Psych); Jane Kaczmarek (Malcolm) e Kurt Fuller (Psych) são Pam e Michael, pais de Gavin; e Ashlie Atkinson é Nessa.

A produção é da Sony Pictures TV em parceria com a BBC Worldwide Productions e a Baby Cow Productions, responsável pela série inglesa.

 

* (DESCARTADO) THE GABRIELS – Projeto de Andrew Gurland e Justin Hurwitz, com direção de Jason Winer. O projeto chegou a ser divulgado com o título de House Rules.

A história gira em torno de uma família neurótica que faz o possível e o impossível para se adequar ao estilo de vida de uma pequena cidade do meio oeste, onde todos se conhecem e a boa educação reina. Gail Gabriel (Angela Kinsey, de The Office) é uma terapeuta casada com Ken (Rob Riggle), um homem com um comportamento um pouco mais infantil que a esposa, com quem tem dois filhos (River Alexander e Brooke Sorenson, ambos de 1600 Penn).

No elenco também está Tim Meadows, como o diretor da escola local.

A produção é da 20th Century Fox em parceria com a Principato Young.

 

* (APROVADO) SURVIVING JACK (ex-I SUCK AT GIRLS) - Projeto desenvolvido por Bill Lawrence (Scrubs, Cougar Town) divulgado em setembro de 2012. Trata-se de uma comédia que adapta a obra de Justin Halpern, que ficará responsável pelo roteiro juntamente com Patrick Schumacker. Os dois criaram a série  $#*! My Dad Says, que foi inspirada no perfil do Twitter de Halpern.

No livro, Justin relembra diversos momentos de sua infância, adolescência e fase adulta. As pessoas que conheceu, as lições que aprendeu, os erros que cometeu e os acertos que o levaram a uma nova fase de sua existência, na companhia de amigos e familiares. A série deverá retratar esses momentos, algo na linha de Anos Incríveis, podendo não seguir uma cronologia. A trama é divulgada como sendo a de um jovem que se torna adulto e de um adulto que se torna pai.

A história gira em torno de Jack Dunlevy (Christopher Meloni, de Law & Order: SVU), um oncologista que não leva desaforos para casa. Quando sua esposa decide voltar para a faculdade para se formar em direito, ele precisa passar mais tempo em casa cuidado de seus filhos, Frankie (Connor Buckley) e Rachel (Claudia Lee, de Hart of Dixie).

A produção é da Warner Brothers TV em parceria com a Doozer Productions.

 

* (APROVADO) BROOKLYN NINE-NINE (ex-PROJETO DE SCHUR E GOOR) – Desenvolvido por Michael Schur e Dan Goor, ambos de Parks and Recreation, foi anunciado em agosto e adquirido pela Fox no mesmo mês.

Trata-se de uma sitcom que gira em torno de um grupo de detetives de uma delegacia de Nova Iorque, formado pelo sargento Terry Jeffords (Terry Crews, de Everybody Hates Chris e Are We There Yet?), o detetive Jake Peralta (Andy Samberg, de Cuckoo); a ex-professora e a agora detetive Amy Santiago (Melissa Fumero, de Gossip Girl); o detetive Charles (Joe Lo Truglio), um homem recém divorciado que se sente responsável por orientar o novato Jake; a policial Megham (Stephanie Beatriz), uma jovem inexperiente que se assusta facilmente com o perigo que a cerca, o que deixa seus colegas preocupados com sua presença sempre que investigam um caso; e Gina (Chelsea Peretti, roteirista de Parks and Recreation), uma funcionária civil que tem fama de excêntrica. O grupo está sob o comando do Capitão Bob Morales (Andre Braugher, de Men of a Certain Age e Last Resort), que trocou seu nome para Bob Holt.

Com direção de Phil Lord e Chris Miller (21 Jump Street), o piloto tem produção da Universal TV.

 

* TO MY FUTURE ASSISTANT - Projeto de Sherry Bilsing-Graham e Ellen Kreamer, ambas de I Hate My Teenage Daughter. O projeto chegou a ser divulgado com o título de To My Assistant.

Esta é uma comédia jurídica que gira em torno dos advogados assistentes que trabalham em um escritório de Nova Iorque. Auxiliando uns aos outros, eles conseguem enfrentar a jornada de trabalhos e as exigências de seus respectivos chefes.

Entre eles está Roy (Joe Egender, visto em Alcatraz), um sujeito com humor sarcástico que trabalha como assistente de Magda (Catherine O’Hara), uma importante advogada que finge ser amiga das pessoas que estão à sua volta. Roy é secretamente apaixonado por Jen (Brittany Snow), jovem que sonha em se tornar uma das sócias do escritório. Ela é assistente de Frank (Stephen Root, de Newsradio), um advogado que, apesar das aparências, não é o monstro que todos imaginam.

Davis (Tone Bell, de Whitney) é o advogado assistente que se formou em Harvard. Confiante quanto ao seu futuro, ele acaba de entrar para a equipe. Claire (Melissa Tang) é aquela assistente que está sempre se oferecendo para fazer qualquer tipo de trabalho sem nunca perder o bom humor. Até que ela é promovida.

A produção é da Lin Pictures em associação com a Warner Brothers Television.

 

Drama

* (DESCARTADO) BOOMERANG – Projeto de Davey Holmes, divulgado em outubro de 2012.

A história gira em torno de uma família formada pelo casal e três filhos adultos, que atuam como assassinos profissionais executando missões para o governo dos EUA.

Sam Hamilton (Michael Stahl-David) é um assassino da CIA que deixa a Guatemala e volta para seu país onde se reúne com a família: o pai Bill (Anthony LaPaglia, de Without a Trace), que o considera uma pessoa instável, a mãe Margie (Felicity Huffman, Desperate Housewives) e o irmão Carl (Patrick Heusinger) que, embora se ressinta de Sam, tem orgulho dele.

Bill, ex-agente da CIA, é um homem neurótico que leva seu trabalho muito a sério. Foi ele quem ensinou aos filhos sua profissão. Margie é uma mulher capaz de eliminar terroristas na parte da manhã e cuidar dos afazeres de esposa e mãe na parte da tarde (ou vice-versa).

A única que parece não saber qual a verdadeira profissão dos Hamilton é Angela, esposa de Sam. No elenco também está Rosa Salazar (Parenthood), como Olive, ex-namorada de Sam, a quem ele nunca esqueceu.

A produção é da Warner Brothers em parceria com a John Wells Production.

 

* (DESCARTADO) DELIRIUM – Projeto de Karyn Usher (Bones) que adapta a obra de Lauren Oliver.

A história é situada em um mundo onde o amor é um sentimento considerado ilegal. Buscando manter a sociedade a salvo, o governo determinou que todos os jovens, ao entrar na adolescência, se submetam a um procedimento que erradica este sentimento conhecido como deliria.

O procedimento, que modifica o cérebro, é feito pela Deliria Free America, uma organização que está sob o comando de Thomas Fineman (Billy Campbell, de The Killing), líder político que acredita que com isso a sociedade é capaz de viver de forma mais pacífica e ordenada. Mas, faltando apenas 95 dias para se submeter ao tratamento, Lena Holoway (Emma Roberts, de Unfabulous) se apaixona por Alex (Daren Kagasoff, de The Secret Diary of the American Teenager), um policial que, aparentemente, é uma pessoa difícil e convencida, que segue à risca as regras. Mas, na verdade, Alex é membro de uma grupo que planeja derrubar o governo.

A resistência é liderada por Lawrence Tack (Corey Reynolds, de The Closer) , que está infiltrando no governo diversos elementos da sociedade que vivem uma existência opressiva. Enquanto isso, ele esconde o fato de que ainda tem uma opinião própria. O movimento da resistência enfrenta forte oposição da senadora Elyse Hargrove (Michael Michele, de Plantão Médico/ER), uma ambiciosa viúva, mãe de três filhos, que sonha com a presidência.

No elenco também estão Jeanine Mason, que interpreta Hana, a melhor amiga de Lena; Erin Cahill (Red Widow) como a irmã de Lena; e Brenda Koo, como Ren, melhor amiga de Alex.

A produção é da 20th Century Fox em parceria com a Chernin Entertainment.

 

* (APROVADO) GANG RELATED – Projeto de Chris Morgan.

Na história, Ryan Lopes (Ramón Rodriguez, de A Escuta e Charlie’s Angels), o membro de uma gangue é estrategicamente colocado dentro do departamento de polícia de São Francisco com o objetivo de auxiliar os criminosos. No entanto, conforme ele vai subindo de posto, ele se vê cada vez mais envolvido com os trabalho realizado pelo departamento. Com isso, ele precisa buscar um equilíbrio entre suas obrigações para com a gangue e sua lealdade para com a polícia.

Seus melhores amigos são Dante Acosta (Jay Hernandez) e Cassius (Rza). O primeiro é o filho de Javier Acosta (Cliff Curtis, de Missing), líder da gangue conhecida como La Familia Sud. Inteligente e gentil, Dante é o único da família a fazer faculdade. O sonho de Javier é ver o filho longe do crime mas, para proteger a família, o rapaz acaba se envolvendo cada vez mais com as atividades ilegais, com o objetivo de um dia assumir os negócios do pai. Já Cassius é um homem que cresceu nas ruas de Oakland e agora é o parceiro de Ryan na polícia.

A equipe está sob as ordens de Sam Chapel (Terry O’Quinn, de Lost), chefe de polícia. No elenco também está Inbar Lavi (Underemployed) como a detetive Hicks.

O’Quinn substituiu o ator Tom Berenger (Hatfields & McCoys), que chegou a ser contratado para interpretar Sam Chapel, mas deixou o elenco por diferenças criativas quanto ao desenvolvimento de seu personagem.

A produção é da 20th Century Fox em parceria com a Imagine Television.

 

* (DESCATADO) THE LIST – Projeto de Ruben Fleischer e Paul Zbyszewski, divulgado em novembro de 2012, quando ainda não tinha um título definido.

Quando pessoas que estavam sob os cuidados do programa de proteção às testemunhas começam a ser assassinadas, o agente federal Daniel Shaker Marshal Soto (Michael Peña, de The Shield) é encarregado de descobrir quem roubou os arquivos onde as identidades secretas de testemunhas estavam armazenados. Ele recebe ordens do Inspetor Chefe Bob McKinnon (Gary Cole, de Entourage) que sempre se coloca ao lado de Soto quando ele precisa de ajuda.

Marshal é separado de Maddie (Hilarie Burton, de One Tree Hill), uma psicóloga com quem teve dois filhos. No elenco também estão Richard T. Jones (The Sarah Connor Chronicles, Hawaii Five-0), como Rayburn, agente do FBI e parceiro da agente Natalie Voss (Jessica Szohr), uma mulher que não gosta de atuar na área de proteção às testemunhas, mas está intrigada com a postura de Soto; e Tamsin Egerton(Camelot) como Delilah, uma perigosa agente de campo internacional.

Tamsin Egerton, originalmente contratada para interpretar Maddie, substituiu  Charity Wakefield (Razão e Sensibilidade, Mockingbird Lane), que interpretaria Delilah.

A produção do projeto é da 20th Century Fox TV.

 

* (APROVADO) RAKE – Adaptação de Paul Attanasio (House) da série australiana criada por Peter Duncan, Charles Waterstreet Richard Roxburgh, que também estrela a produção original.

A história narra a vida de Keegan Joy (Greg Kinnear, de The Kennedys), um brilhante, porém autodestrutivo, advogado criminalista. Acreditando no sistema e mantendo uma postura otimista, Keegan defende traficantes, assassinos, ladrões e almas perdidas, apesar dele mesmo não conseguir manter boa credibilidade profissional ou pessoal.

Em meio a tudo isso, ele ainda luta contra o imposto de renda, foge de seu agiota e tenta manter uma relação com o filho e a ex-esposa Maddy (Miranda Otto), bem como com seus dois melhores amigos, o casal Ben e Scarlett (Necar Zadegan, de Emily Owens M.D.), assistente de promotor.

No elenco também estão a australiana Bojana Novakovic, que interpreta Mikki, uma prostituta de quem Keegan é cliente há cinco anos; Tara Summers (Ringer) como Leanne Zander, assistente de Keegan; John Ortiz (Luck), como Ben, amigo e colega de Keegan.

Com direção de Sam Raimi (Spartacus), o piloto tem a produção da Sony Pictures TV.

Minka Kelly e Karl Urban em 'Human'

Minka Kelly e Karl Urban em 'Human'

* (APROVADO) ALMOST HUMAN – Criado por J.J. Abrams (Lost, Fringe) e J.H. Wyman (Fringe), o projeto foi anunciado em setembro de 2012, quando ainda não tinha um título.

Trata-se de um drama futurista no qual a polícia de Los Angeles trabalha ao lado de andróides com aparência humana. O policial humano John Kennex (Karl Urban, dos filmes de Jornada nas Estrelas) é um deles. O parceiro de John é o andróide Dorian (Michael Ealy, de Common Law), que compreende melhor os sentimentos humanos que seu colega. A dupla está sob o comando da Capitã Maldonado (Lily Taylor, de Six Feet Under), uma mulher determinada a deixar sua marca, se sacrificando pelo bem maior.

Na equipe também policial também estão o detetive Richard Paul (Michael Irby) e Rudy Lom (Mackenzie Crook). Paul culpa Kennex pela morte de vários oficiais durante uma missão, e Rudy é o designer excêntrico do departamento de robótica da polícia. Minka Kelly é Valerie Stahl, uma policial com uma visão positiva sobre as pessoas.

A produção é da Warner Brothers TV em parceria com a Bad Robot, produtora de Abrams.

 

Tom Mison e Nicole Beharie em 'Sleepy Hollow'

* (APROVADO) SLEEPY HOLLOW – Projeto de Alex Kurtzman e Roberto Orci, ambos de Fringe, e Philip Iscove, com direção de Len Wiseman, divulgado em julho de 2012. Esta é uma adaptação moderna de A Lenda do Cavaleiro Sem Cabeça. Tendo sido oferecido aos canais Fox, CBS, ABC e NBC, o projeto ficou com a Fox.

A história apresenta Ichabod Crane (Tom Mison, de Parade’s End e Lost in Austen), um ex-professor de história que lutou na guerra revolucionária como capitão no Século XVIII. Durante o conflito, ele cortou a cabeça de um cavaleiro. De alguma forma, ele viaja pelo tempo chegando ao nosso presente onde reencontra o cavaleiro sem cabeça, que agora assombra a cidade de Sleepy Hollow.

Um crime é cometido e o Tenente Frank Williams (Orlando Jones) é enviado à cidade para investigar o homicídio, o qual foi testemunhado pela detetive Abbie Archer (Nicole Becharie). Embora ela estivesse prestes a deixar o cargo para entrar na academia do FBI, Abbie decide unir forças com Ichabond para investigar o caso por conta própria.

No elenco também está Katia Winter (Dexter), esposa de Ichabod Crane, uma enfermeira na guerra revolucionária.

O piloto é produzido pela K/O, produtora de Kurtzman e Orci, em associação com a 20th Century Fox.

 

* WILD BLUE (ADIADO) - Projeto de Mark Johnson (Breaking Bad), Taylor Elmore, Graham Yost e Michael Dinner, os três últimos de Justified, divulgado em outubro de 2012, quando trazia o título de Bridge. O projeto começou a ser desenvolvido para o canal na temporada passada. A proposta é narrar situações que colocam em choque as diferenças de classes aqui representadas por oficiais e alistados.

A história acompanha a vida da tripulação de um porta-aviões da marinha, composta por 6000 pessoas, entre homens e mulheres. Entre eles, James Kincaid (Will Rothhaar), jovem da classe operária de Oklahoma que é acusado pelos demais tripulantes do navio de sabotar os mecanismos de disparo dos aviões, colocando a vida dos pilotos em risco. Seu melhor amigo é Joaquim Tate (Alano Miller, de Damages), um oficial não comissionado que é promovido, o que eleva o nível de tensão que surge entre os dois. Já Derek Frehley (Josh Salatin, de The Carrie Diaries), conhecido como Vandal, é um homem charmoso porém arrogante e ambicioso que costuma conquistar a confiança das pessoas. Mesmo assim, ele precisa lidar com a má reputação do pai e seu passado obscuro.

Pilar Robles (Gina Rodriguez) é outra oficial que trabalha no porta-aviões, uma jovem que não tem medo de lutar por aquilo que acredita ser certo. O chefe Donald Bowman (Mykelti Williamson, de Justified) é quem serve de elo entre os oficiais e os alistados.

A produção é da Sony TV em parceria com a Gran Via Productions.

‘Rake’ ganha terceira temporada

Segundo o jornal The Sydney Morning Herald, a série australiana Rake foi renovada pelo canal ABC1 para sua terceira temporada. Ainda não há informações de quantos episódios foram encomendados, mas é possível que sejam oito, tal qual as duas primeiras temporadas.

Criada por Peter Duncan, Charles Waterstreet Richard Roxburgh, que estrela a série, Rake é uma dramédia jurídica que narra a vida de Cleaver Greene, um advogado criminalista de má reputação e ex-viciado em drogas.

Sem credibilidade, seja profissional ou pessoal, Cleaver trabalha com casos considerados sem esperanças. Utilizando métodos pouco ortodoxos, ele costuma ter como clientes traficantes, assassinos, ladrões e almas perdidas. Mas seu maior problema é seu comportamento destrutivo.

A série estreou na Austrália em novembro de 2010 registrando a média de 900 mil telespectadores, tornando-se uma das dez melhores audiências da noite.  Ao longo de sua primeira temporada, Rake manteve a média de 745 mil telespectadores ao vivo. A segunda temporada estreou em seu país em setembro deste ano. Até o momento, já foram exibidos quatro episódios, os quais mantêm cerca de 790 mil telespectadores ao vivo.

Originalmente prevista para ter três temporadas, os produtores já cogitam dar continuidade à série por mais alguns anos, se a audiência se mantiver. Enquanto isso, nos EUA, um projeto está em desenvolvimento pelo produtor e roteirista Paul Attanasio (House) para dar a Rake uma versão americana. Se produzida, a série poderá ser estrelada por Greg Kinnear (The Kennedys). O projeto está sendo oferecido a diversos canais da rede aberta e do cabo.

Rake chegou ao Brasil pelo canal Globosat HD.

Cliquem na foto para ampliar.

28/09/2012

às 17:45 \ Pilotos de Séries, Remakes, Séries Austrália

‘Rake’ pode ganhar versão americana com Greg Kinnear como protagonista

Richard Roxburgh estrela a série australiana 'Rake' (Foto: arquivo)

Greg Kinnear

A popularidade de Rake na Austrália chamou a atenção da TV americana que agora planeja uma versão da série. Se produzida, ela será estrelada por Greg Kinnear (The Kennedys), em sua primeira série.

Criada por Peter Duncan, Charles WaterstreetRichard Roxburgh, que estrela a série, Rake é uma dramédia jurídica que narra a vida de Cleaver Greene, um advogado criminalista de má reputação e ex-viciado em drogas. Abandonado pela esposa e pelo filho, ele mantém uma relação com uma ex-prostituta e estudante de Direito.

Sem credibilidade, seja profissional ou pessoal, Cleaver trabalha com casos considerados sem esperanças. Utilizando métodos pouco ortodoxos, ele costuma ter como clientes traficantes, assassinos, ladrões e almas perdidas. Mas seu maior problema é seu comportamento destrutivo.

Segundo o site Deadline, a versão americana está a cargo de Paul Attanasio (House) com roteiro de Duncan, co-criador da série australiana. O projeto da Sony Pictures TV está sendo oferecido a canais de TV a cabo e da rede aberta nos EUA.

Atualmente exibindo sua segunda temporada, a série Rake já chegou ao Brasil pelo canal Globosat HD, que ainda não agendou a estreia dos novos episódios.

Atualização: no dia 24 de outubro, foi divulgado que o projeto de série ficou com a Fox. Pelo contrato, o canal é obrigado a encomendar a produção de um episódio piloto para avaliação.

Trailer da série original

Toni Collette Retorna com ‘Rake’

Toni Collette em 'Rake' (Foto: ABC1)

Muitos a conhecem pelo filme O Casamento de Muriel, que lhe abriu as portas para uma carreira internacional. Depois de participar de filmes como O Sexto Sentido, As Horas, Pequena Miss Sunshine, entre outros, Toni Collette foi para a TV estrelar a série United States of Tara, do canal a cabo Showtime. Nesta produção, ela interpretou uma mulher que sofre de múltiplas personalidades. A série lhe rendeu um prêmio Emmy de melhor atriz em comédia.

Desde o cancelamento dessa produção em 2011, a atriz vem se dedicando ao cinema, tendo participado de pelo menos seis filmes com lançamentos a partir de 2013. Agora, ela retorna à TV. De volta à Austrália, onde nasceu, ela faz participação na segunda temporada de Rake, série que chegou ao Brasil pelo canal Globosat HD.

Estrelada por Richard Roxburgh, a série acompanha a vida de Cleaver Greene, um advogado criminalista de má reputação. Sem credibilidade, tanto profissional quanto pessoal, Cleaver, um ex-viciado em drogas, trabalha com casos considerados sem esperanças. Utilizando métodos pouco ortodoxos, ele costuma ter como clientes traficantes, assassinos, ladrões e almas perdidas. Mas seu maior problema é seu comportamento destrutivo.

Em sua segunda temporada, Cleaver conhece Cláudia Marshall, Ministra da Nova Gales do Sul, Austrália, com quem se envolve no banco de trás de uma limousine. Comentários sobre o caso dos dois começam a correr pelos corredores do parlamento e pela imprensa, levando Cleaver a se tornar o inimigo número um do procurador-geral Cal McGregor (Damien Garvey), marido de Cláudia. Para David Potter (Matt Day), o caso por ser sua chance de acabar de vez com Cleaver.

A segunda temporada tem oito episódios, com estreia marcada para o dia 6 de setembro, na Austrália. O canal Globosat HD informa que já adquiriu a temporada, mas ainda não agendou sua estreia no Brasil. Os produtores da série não divulgaram quantos episódios contarão com a participação de Collette.

Confiram o trailer da temporada aqui.

15/03/2012

às 10:04 \ Minisséries, Séries Austrália

‘The Slap’ chega ao Brasil pela Globosat HD

Melissa George em cena de 'The Slap'

A minissérie australiana foi uma das boas surpresas de 2011. Adaptada da obra de Christos Tsiolkas, The Slap conquistou a crítica em seu país e na Inglaterra, onde foi exibida pela BBC4, canal dedicado a produções consideradas artísticas, sem apelações comerciais.

Ainda em início de carreira, a minissérie já foi premiada com cinco estatuetas pelo Australian Film Institute.

Trata-se de uma bela produção sobre personagens que vivem as consequências de um ato polêmico, o qual serve como ponto de partida para a discussão de outras questões pessoais.

Durante um churrasco que reúne familiares e amigos, Harry, primo do dono da casa, dá um tapa no rosto de Hugo, uma criança de três anos que se comportava mal.

A partir desse ato vemos como opiniões podem causar rupturas e desconforto entre pessoas que já estavam acomodadas a uma rotina de vida.

Com roteiro de Emily Ballou, Alice Bell, Brendan Cowell, Kris Mrksa e Cate Shortland, cada um dos oito episódios é protagonizado por um dos personagens.

Exibida em seu país em outubro de 2011, The Slap já foi vendida a países da Europa Oriental, para a Espanha, Portugal, Grécia, Turquia, Ásia, EUA e Canadá. Agora a produção chega ao Brasil. Segundo a DCD Rights, empresa que distribui a minissérie, The Slap foi comprada pelo canal a cabo Globosat HD, que ainda não divulgou uma data de exibição.

Veja mais informações sobre o enredo e o elenco de The Slap aqui.

O canal também adquiriu a segunda temporada de Rake, outra produção australiana que estreou na Globosat HD em fevereiro.

Cliquem na foto para ampliar. 

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados