Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

PIB da Grécia deve cair mais de 5,5% em 2011, diz Papademos

A contração da economia da Grécia superará os 5,5% em 2011 devido ao fato de o país estar imerso em sua “recessão mais profunda”, afirmou nesta quarta-feira o primeiro-ministro grego, Lucas Papademos.

“O ano de 2011 teve a pior recessão que este país já atravessou, sendo que a contração do PIB será superior a 5,5%”, declarou Papademos durante coletiva organizada pela câmara de comércio greco-americana. “Temos um duro caminho a percorrer”, completou.

A Grécia previa até agora uma queda de 5,5% do PIB em 2011, no que será o quarto ano consecutivo de contração da economia. A Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) mostrou-se recentemente mais pessimista, prevendo -6%.

Em seu primeiro discurso na Grécia desde que foi nomeado para chefiar um governo de coalizão em 11 de novembro, o primeiro-ministro aprovou as últimas decisões da cúpula europeia de 9 de dezembro sobre disciplina fiscal dos países-membros.

“A Grécia pretende” consolidar sua economia e “estabilizar” seu sistema bancário, disse.

Essa disciplina “nos permitirá evitar a retomada de déficits orçamentários que nos conduziram a esta crise”, e deverá desembocar em 2012 para a Grécia em um “superávit primário” que dará “o sinal da reativação da confiança em 2013”, disse Papademos.