Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Petróleo cai com corte de estimativa de demanda pela AIE

Por Ricardo Gozzi

Nova York – Os contratos futuros de petróleo fecharam em queda nesta sexta-feira, em linha com os recuos registrados em diversos outros mercados por conta da Grécia e também depois de a Agência Internacional de Energia (AIE) ter reduzido a estimativa global de demanda para 2012.

Depois de três fechamentos consecutivos em alta, o petróleo para entrega em março recuou US$ 1,17 (1,17%) na bolsa mercantil de Nova York (Nymex), encerrando a sessão a US$ 98,67 por barril. Na plataforma eletrônica ICE, o Brent para março cedeu US$ 1,28 (1,08%), fechando em US$ 117,31 o barril.

Os preços do petróleo sofreram o impacto do relatório da AIE, que representa as maiores nações consumidoras de petróleo e reduziu a previsão de demanda de 2012 em 300 mil barris por dia. Ainda segundo a AIE, o mercado teria flexibilidade suficiente para lidar com a saída do petróleo iraniano. A redução na demanda da AIE segue-se a uma ação similar da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) esta semana.

A probabilidade de crescimento mais lento da economia da China este ano e a redução da previsão de demanda contribuíram para o declínio dos preços, observou Dominick Chirichella, analista do Energy Management Institute.

“Estamos em um estágio no qual se não surgir nenhum indício forte de uma grande interrupção no abastecimento, o petróleo terá dificuldade em ir acima dos níveis atuais”, analisou Chirichella. As informações são da Dow Jones.