Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Mais gasto não é resposta para crescimento lento na UE

Por Da Redação 15 nov 2011, 13h10

Por Bruxelas

– A União Europeia não pode resolver o problema de crescimento econômico muito baixo por meio de gastos deficitários, disse o presidente do Conselho Europeu, Herman Van Rompuy, em discurso, nesta terça-feira.

Nem mesmo a desaceleração do crescimento da União Europeia, indicado pelas projeções recentes da Comissão Europeia, é resultante da consolidação fiscal dos governos nas 27 nações do bloco, afirmou.

Em vez disso, as restrições dos bancos aos empréstimos têm sido causa significativa de crescimento menor do que o esperado, segundo Van Rompuy. As informações são da Dow Jones.

Continua após a publicidade
Publicidade