Clique e assine com 88% de desconto

Latam quer elevar receita com cargas de 17% para 25%

Por Da Redação - 17 jul 2012, 13h35

Por Andréia Lago

Santiago – Nos próximos quatro anos, a Latam Airlines planeja aumentar sua receita com transporte de cargas dos atuais 17% para 25% das vendas totais da companhia, informa a edição desta terça-feira do jornal chileno El Mercurio, citando o diretor-geral de cargas da empresa, Cristian Ureta.

A nova empresa, que resultou da fusão entre a chilena LAN e a brasileira TAM, planeja economizar cerca de US$ 112 milhões até 2014 com a integração dos negócios de transporte de cargas das duas companhias aéreas, disse Ureta.

Para impulsionar a receita com transporte de mercadorias, a Latam vai investir US$ 20 milhões em uma nova unidade de armazenamento no aeroporto internacional de Guarulhos, em São Paulo.

Publicidade

O transporte de cargas respondeu por 24% da receita de US$ 1,54 bilhão da LAN no primeiro trimestre deste ano. Em 2011, LAN e TAM informaram receitas de US$ 1,57 bilhão e US$ 500 milhões, respectivamente, com o transporte de mercadorias, segundo o El Mercurio. A Latam Airlines confirmou as informações publicadas pelo jornal chileno. As informações são da Dow Jones.

Publicidade