Clique e assine a partir de 9,90/mês

BR faz parceira com Cielo para operar cartão em postos

Por Da Redação - 24 ago 2011, 17h45

Por Kelly Lima

Rio – A BR Distribuidora agora vai operar os cartões de crédito na sua rede de postos de combustíveis e implementar a tecnologia para a venda de botijões em caminhões da Liquigás para a entrega em domicílio, conforme antecipou a Agência Estado em 27 junho. A companhia anunciou hoje que formou parceria com as operadoras Cielo, CTF e First Data para centralizar as transações feitas nos postos em equipamentos próprios e a taxas menores do que a cobrada hoje.

Em entrevista à imprensa, o presidente da BR, José Lima de Andrade Neto, disse que hoje as taxas cobradas variam de 1,9% a 3% e o posto de combustível ainda tem que pagar pelo aluguel das máquinas. Atualmente cada posto paga aproximadamente R$ 270 por mês por aluguel. Pelo menos 60% dos pagamentos é feito via cartão.

Com sete mil postos sob sua bandeira no País, a BR comprou 15 mil máquinas que serão distribuídas gratuitamente na rede de postos e também nas revendas móveis da Liquigás. “Além de conquistar este mercado do comprador de gás na porta de casa, vamos reduzir os custos do revendedor da máquina BR”, disse Lima, sem informar qual será a taxa a ser cobrada nas máquinas próprias junto à revenda.

Continua após a publicidade

A expectativa, diz ele, é de que esta redução de custos seja repassada para o consumidor final, mas não há garantias de que isso ocorra de fato, ou se os proprietários dos postos vão se apropriar desta margem.

Segundo a subsidiária da Petrobras, cerca de 65 postos da rede já estão operando com máquinas de cartão de crédito (POS) da Petrobras no Rio de Janeiro. A ideia é que, até o final de ano, o sistema esteja disponível em todos os postos da distribuidora.

Lima afirmou que a meta da companhia é um mercado de gira em torno de R$ 35 bilhões, equivalente ao market share da empresa, hoje na casa dos 32%.

Publicidade