Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Radar Econômico

Por Pedro Gil Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes e Felipe Erlich
Continua após publicidade

O brasileiro ainda não toma crédito conscientemente, diz Gustavo Cerbasi

VEJA Mercado: educador financeiro e sócio da SuperRico também diz que investidor arrojado está mais moderado e que já existem oportunidades na bolsa

Por Diego Gimenes Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 19 jun 2024, 13h38 - Publicado em 19 jun 2024, 09h30

VEJA Mercado | 19 de junho de 2024.

O Copom deve manter as taxas de juros brasileiras em 10,5% ao ano nesta quarta-feira, 19. O comitê divulga sua decisão no começo da noite e deve interromper o ciclo de cortes de juros, iniciado em agosto de 2023. Todos os olhos estarão voltados para o comunicado da instituição e aos recados para o governo e o mercado. Como pano de fundo da reunião, os novos ataques do presidente Lula ao presidente do BC, Roberto Campos Neto. Lula voltou a criticá-lo publicamente e disse que o BC é “a única coisa desajustada do país”. O presidente afirmou que Campos Neto tem lado político e prejudica o Brasil, além de ter provocado ao questionar se ele “vai seguir os passos de Moro e se tornar um paladino da justiça com o rabo preso”. O dólar voltou a subir e fechou o dia cotado a 5,43 reais. O Ibovespa ainda pena para sustentar os 119 mil pontos. Os reflexos da decisão do Copom para os títulos de renda fixa e a atratividade da renda variável são alguns dos assuntos desta edição do VEJA Mercado. Diego Gimenes entrevista Gustavo Cerbasi, sócio da consultoria SuperRico e educador financeiro. O VEJA Mercado é transmitido de segunda a sexta, ao vivo no YouTube, Facebook, Twitter e LinkedIn, a partir das 10h.

Ouça o VEJA Mercado também pelo Spotify

Oferecimento de JHSF

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.