Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar Econômico

Por Pedro Gil
Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes e Felipe Erlich
Continua após publicidade

Safra doa R$ 10 milhões ao Rio Grande do Sul, devastado por inundações

Conglomerado financeiro planeja envio capilarizado do montante

Por Felipe Erlich 15 Maio 2024, 19h28

O Grupo J. Safra, dono do banco Safra, vai enviar um total de 10 milhões de reais ao Rio Grande do Sul. O montante será usado para mitigar efeitos do desastre climático que acomete o estado, com as maiores inundações de sua história. A doação será feita por meio de diversas instituições filantrópicas.

Até o momento, a Defesa Civil gaúcha estima que mais de 76 mil pessoas tiveram suas residências destruídas, e 538 mil tiveram que deixar suas casas por razão de segurança. A tragédia matou ao menos 149 pessoas, enquanto 112 seguem desaparecidas. Cerca de 2 milhões de pessoas, em 446 municípios, foram afetadas.

 

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.