Clique e assine a partir de 8,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

TJRJ abre disputa entre bancas por causa de até R$ 65 mi

Concorrência vai escolher escritório de advocacia a ser contratado como interventor na recuperação judicial do Grupo João Fortes Engenharia

Por Robson Bonin - Atualizado em 7 jun 2020, 09h59 - Publicado em 6 jun 2020, 18h24

O desembargador Luciano Saboaia, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, ordenou recentemente a abertura de concorrência para escolha do escritório de advocacia a ser contratado pela Justiça como interventor na recuperação judicial do Grupo João Fortes Engenharia, com dívidas declaradas de 1,3 bilhão de reais.

Os honorários estipulados na causa são de até 5% desse valor, um tira-gosto de até 65 milhões de reais à banca escolhida. A decisão do desembargador muda entendimento do juiz de primeira instância que havia escolhido uma banca para o caso sem ouvir as partes.

Publicidade