Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Planalto atende a pedido da CNI e prorroga contrato com a ABGF

Governo prorrogou o contrato de prestação de serviços da ABGF com o Ministério da Economia até o dia 30 de junho de 2021

Por Robson Bonin Atualizado em 2 jan 2021, 12h34 - Publicado em 4 jan 2021, 09h28

Em 2 de dezembro passado, o presidente da CNI, Robson Andrade, enviou carta a diferentes autoridades do governo, em nome da indústria e com o apoio de diversas associações setoriais, solicitando a imediata renovação do contrato de prestação de serviços da Agência Brasileira Gestora de Fundos Garantidores e Garantias com o Ministério da Economia, de forma a evitar prejuízos ao financiamento à exportação.

No último dia 30, a Casa Civil da Presidência respondeu ao presidente da CNI informando que o governo prorrogou o contrato de prestação de serviços da ABGF com o Ministério da Economia até o dia 30 de junho de 2021, acatando assim o pleito da CNI e das associações setoriais.

Com essa decisão, explicou o Planalto, evitou-se “algum tipo de descontinuidade e do Seguro do Crédito à Exportação, enquanto não se conclui a estruturação do novo sistema de apoio oficial à exportação concedido pela União”.

Publicidade