Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Gigante farmacêutica dará 7 meses para pequenos do setor pagarem compras

Objetivo da empresa é chegar ao mercado do 'Brasil profundo', onde estabelecimentos não têm acesso a crédito fácil

Por Robson Bonin - Atualizado em 20 May 2020, 08h15 - Publicado em 20 May 2020, 07h29

 

Quarta maior empresa do ramo de genéricos no país, a Cimed lança nesta semana uma ação para dar fôlego a cerca de 20.000 pequenas farmácias do interior do país.

A empresa dará 210 dias de prazo para que os empresários realizem o pagamento dos pedidos (preço mínimo de 500 reais) de produtos realizados nesta quarta-feira, Dia Nacional do Medicamento Genérico.

ASSINE VEJA

Covid-19: Amarga realidade As cenas de terror nos hospitais públicos brasileiros e as saídas possíveis para mitigar a crise. Leia nesta edição.
Clique e Assine

“Pedidos de compras nesse valor são uma realidade por esse Brasil afora. O país não é a Faria Lima e nem Barra da Tijuca”, diz João Adibe, CEO da empresa.

Continua após a publicidade

O objetivo da empresa é chegar ao mercado do “Brasil profundo”, onde estabelecimentos não têm acesso a crédito fácil.

Por meio de 25 centros de distribuição, a Cimed abastece as farmácias independentes, que juntas representam 44% do seu faturamento.

Publicidade