Clique e assine a partir de 8,90/mês
Radar Econômico Por Machado da Costa Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças.

Setor de eventos renasce com exposição de nome sugestivo

Prefeito de São Paulo liberou eventos com até 600 pessoas na cidade

Por Machado da Costa - Atualizado em 7 out 2020, 10h58 - Publicado em 7 out 2020, 10h07

Não é novidade que o setor de eventos foi praticamente dizimado durante a pandemia. O afastamento social foi determinante para que 100% do setor parasse desde março. Agora, com a flexibilização, pouco a pouco o setor vai renascendo. A primeiro será realizado na próxima semana, em São Paulo. E terá um novo sugestivo: Expo Retomada.

No último dia 24 de setembro, o prefeito Bruno Covas assinou um protocolo de reabertura dos setores culturais, incluindo eventos com até 600 pessoas. A Expo Retomada pretende reunir cerca de 40 expositores, entre eles já estão confirmados os promotores de Exposições e Feiras Francal, Couromoda, Fiera Milano, Messe Dusseldorf; destinos, como Foz do Iguaçu; espaços, como Centro de Convenções Rebouças, além das empresas Grupo R1, GTO Arquitetura, JA Eventos, MChecon, Programasom, Triart, Bueno Cenografia, Evestream, Plithy Locações, Grupo Trio, Visual Image, Fulstanding, Grupo R1, Mitte Tecnologia para Eventos, Grupo Trio e Cipa.

+ Siga o Radar Econômico no Twitter

Publicidade