Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes.

Ethereum, a criptomoeda que já vale metade de toda a bolsa brasileira

A segunda maior criptomoeda do mundo valorizou 4.000% em 12 meses

Por Josette Goulart 10 Maio 2021, 11h36

Em meio ao sobe e desce das criptomoedas, que deixa muito investidor nervoso e avesso à esse mercado, a ethereum bateu nesta segunda-feira a marca de 4.100 dólares numa valorização de 4.000% em 12 meses. A ethereum é uma plataforma que usa tecnologia blockchain, que executa contratos inteligentes e imutáveis, e já é a segunda maior criptomoeda do mundo. Seu valor de mercado chegou a 476 bilhões de dólares, nesta segunda-feira, 10, ou algo em torno de 2,5 trilhões de reais, ou quase metade do valor das cerca de 370 empresas negociadas hoje na bolsa de valores brasileira. A ethereum tem sido uma alternativa para os investidores de criptomoedas que deixaram o bitcoin, a criptomoeda mais famosa e que tem se desvalorizado nas últimas semanas, valendo hoje cerca de 58 mil dólares. O bitcoin já chegou a valer próximo a 65 mil dólares, em abril. Em valores totais, entretanto, mesmo desvalorizado, o bitcoin já é do tamanho da bolsa brasileira. 

Publicidade