- Atualizado em

Suspeito de assalto Dione Mariano (à esquerda) e Vinicius Romão confundido pela vítima
Suspeito de assalto Dione Mariano (à esquerda) e Vinicius Romão confundido pela vítima(Luiz Ackermann/Extra/Agência O Globo/VEJA)

A Polícia Civil prendeu, nesta sexta-feira, um suspeito de assalto na Zona Norte do Rio. Dione Mariano da Silva, de 24 anos, é acusado de ser o verdadeiro autor do crime pelo qual o ator global Vinícius Romão, de 27 anos, foi preso por engano. A vítima teria confundido Romão com Dione, segundo as investigações da 26ª DP (Todos os Santos). O novo suspeito do roubo tem passagens por furto e portava um revólver quando foi detido. Ele também foi autuado por porte ilegal de arma.

O psicólogo e ator Vinícius Romão ficou 16 dias encarcerado na Cadeia Pública Patrícia Acioli, em São Gonçalo, Região Metropolitana do Rio, e só ganhou a liberdade depois que a vítima confirmou ter se enganado. De acordo com os amigos, ele caminhava do trabalho (em um shopping) para casa quando foi abordado por PMs, que o mandaram deitar no chão. Foi revistado e levado algemado para a 25ª DP (Engenho Novo), onde a vítima o reconheceu.

Leia também:

"Há outros Vinícius na cadeia", diz ator preso por engano

Família de ator acusado de roubo quer processar o Estado

TAGs:
Assalto
Rio de Janeiro