Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Reino Unido precisará de meses antes de negociar saída da UE

Presidente da Comissão Europeia repreendeu governo em Londres por não se preparar melhor para possibilidade de um voto pela saída

O Reino Unido vai precisar de meses de preparação antes que as negociações sobre a saída da União Europeia possam começar, disse nesta segunda-feira o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, repreendendo o governo em Londres por não se preparar melhor para a possibilidade de um voto pela saída.

Juncker, que também confirmou que o Reino Unido perderá o acesso irrestrito ao mercado interno da União Europeia se não aceitar a livre circulação dos trabalhadores, disse que sua preferência teria sido de que as negociações sobre a saída britânica começassem o mais cedo possível.

“(Mas) esse não é o caso. O governo britânico precisa de muitos meses para ajustar sua posição”, disse Juncker à emissora de televisão France 2.

Leia também:
Verizon compra Yahoo por US$ 4,8 bilhões
Expectativa melhora e confiança do consumidor sobe pelo 3º mês

A nova primeira-ministra britânica, Theresa May, disse a Juncker em meados de julho que o Reino Unido espera manter negociações positivas com a UE após o resultado do referendo 23 de junho, mas que precisa de tempo para se preparar para as negociações.

Juncker disse que não há prazo, uma vez que o artigo 50 do Tratado da UE, que especifica os procedimentos de saída, só pode ser ativado pelo Reino Unido.

(Com agência Reuters)