Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

VEJA Saúde: Quanto falta para o exame de sangue que detecta câncer?

O ‘VEJA Saúde’ traz as últimas novidades sobre a detecção precoce e explica a importância dos exames de rotina

Por Natalia Cuminale Atualizado em 26 jul 2018, 15h37 - Publicado em 23 jul 2018, 17h29

Um dos pontos mais importantes para o sucesso do tratamento de qualquer tipo de câncer é o diagnóstico precoce. Mesmo quando um tumor é detectado bem cedo, com um centímetro, por exemplo, já s​ignifica que são​ milhões de células malignas. O objetivo dos cientistas é desenvolver um método para encontrar a doença ainda em estágio microscópico, como se fosse um exame de sangue feito em laboratório.

No programa VEJA Saúde, a repórter Natalia Cuminale entrevista o oncologista Marcelo Cruz do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Ele afirma que, para alguns tipos de câncer, o exame de sangue já é uma realidade. No bate-papo, Cruz orienta quais grupos devem fazer exames de rotina para conseguir um diagnóstico precoce.

Semanalmente, o programa VEJA Saúde recebe médicos e especialistas das mais variadas áreas para falar sobre qualidade de vida e cuidados com o corpo e a mente. Acompanhe às sextas-feiras em www.veja.com.br/tveja/veja-saude/.

  • Publicidade