Clique e assine com até 92% de desconto

A bomba de Palocci

O ponto crítico: partido que ganha dinheiro de “procedência estrangeira” está sujeito a cassação

Por Da Redação Atualizado em 10 dez 2018, 14h16 - Publicado em 7 dez 2017, 20h22

Em sua proposta de delação, o ex-ministro promete contar que o PT recebeu 1 milhão de dólares do ditador líbio Muamar Kadafi para a campanha de Lula em 2002.

  •  

    Publicidade