Group 21 Copy 4 Created with Sketch.
Giro VEJA com Da Redação

Petroleiros descumprem decisão e iniciam greve de 72 horas

Entre as reivindicações da categoria, está a demissão do presidente da Petrobras, Pedro Parente

access_time 30 maio 2018, 12h48

Os petroleiros iniciaram, nesta quarta-feira, a greve de 72 horas da categoria. Segundo a Federação Única dos Petroleiros (FUP), funcionários não foram trabalhar em oito refinarias dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, e Amazonas e Pernambuco. Entre as reivindicações dos petroleiros está a demissão do presidente da Petrobras, Pedro Parente.

Na noite desta terça-feira, o Tribunal Superior do Trabalhou (TST) atendeu ao pedido da Advocacia-Geral da União (AGU) e deu uma liminar contra a paralisação, que foi considerada ilegal. Além disso, a Corte estipulou uma multa diária de 500.000 reais, caso a decisão fosse descumprida. De acordo com a AGU, o movimento dos petroleiros tem natureza político-ideológica.

Veja também
Notícias sobre
Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Social Democrata

    Irresponsáveis, oportunistas e politiqueiros. Greve ilegal, sem pauta trabalhista e meramente política, armada pela esquerda. E ainda tem gente que fala que vai votar no presidiário Lula. O povo brasileiro definitivamente não merece respeito.

    Curtir

  2. silvio teixeira filho

    Cambada de incompetentes e mal acostumados, se trabalhassem em Empresa privada, estariam todos demitidos. A pergunta o que eles querem da Empresa? mais mordomias, mais salários, mais férias, !!!

    Curtir

  3. Ricardo Azedias de Souza

    Por que não fizeram isso quando Lula e Dilma estavam quebrando a Petrobras ?

    Curtir