Clique e assine a partir de 9,90/mês

Giro Veja: ‘Não sou radical’, declara novo ministro da Educação

Em discurso durante a posse, Abraham Weintraub diz que seu diferencial "é na parte de gestão"

Por Da Redação - 9 Apr 2019, 16h58

O novo ministro da Educação Abraham Weintraub tomou posse nesta terça-feira. Em seu discurso, ele começou brincando sobre a dificuldade em pronunciar seu nome. Depois, disse que está disposto a conversar desde que não exista violência. “Tem gente que fala que eu sou muito radical. Eu não sou radical. Eu sou aberto ao diálogo”, afirmou.

Weintraub admitiu que o ex-ministro Vélez Rodríguez não conseguiu entregar as demandas do Ministério da Educação “no ritmo esperado” e garantiu que o seu diferencial é a área de gestão. O presidente Jair Bolsonaro declarou que o ministro tem carta branca para escolher todo o seu primeiro escalão. “Nós queremos uma garotada que comece não a se interessar por política, como é atualmente dentro das escolas, mas comece, realmente, a aprender coisas que as possam levar ao espaço no futuro”, disse o presidente em referência ao ex-astronauta e ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes.

 

Publicidade